Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Vereador preso na ‘Operação Famintos 2’ pede licença na CMCG

Da Redação. Publicado em 26 de agosto de 2019 às 18:51.

 

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Preso durante a ‘Operação Famintos 2’, deflagrada na última quinta-feira (22), o vereador Renan Maracajá (PSDC) pediu uma licença de 15 dias sem remuneração na Câmara Municipal de Campina Grande, nesta segunda-feira, 26.

O parlamentar está preso em João Pessoa, na Penitenciária de Segurança Média Hitler Cantalice.

Conforme a presidente da CMCG, vereadora Ivonete Ludgério (PSD), pelo fato da licença ser de apenas 15 dias, podendo ser prorrogada por não haver remuneração, não há necessidade de convocar o suplente ao cargo, que é o secretário executivo de Educação de Campina Grande, Gildo Silveira.

A convocação do suplente só acontecerá se o vereador pedir uma licença de mais de 121 dias.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube