Quantcast

Fechar

logo

Fechar

“Meu partido hoje do coração se chama PSL”, diz vereador campinense

Da Redação*. Publicado em 6 de agosto de 2019 às 10:10.

O vereador Alexandre do Sindicato (PHS) deve se filiar ao PSL, do deputado Julian Lemos.

Em entrevista à Rádio Campina FM, o parlamentar disse que não pode se antecipar porque há outras questões, que ainda não assinou a ficha de filiação, mas que só faltaria isso.

Alexandre ressaltou que ele é o vereador campinense que mais se assemelha às ideias do PSL, partido da extrema direita, que, segundo o presidente deste, deverá ter candidatura própria em Campina Grande.

Questionado se ao filiar-se ao partido de Bolsonaro, ele ficaria contra a candidatura do grupo de Romero Rodrigues, o vereador disse:

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

– Quem sabe o nosso partido possa ser alinhado ao nosso grupo político. Se isso ocorrer. Não posso prever ou me antecipar a algo que não ocorreu. Me sinto muito honrado de ouvir do deputado que eu já estava no partido, mas claro que isso passa por uma discussão interna e se for para ir para o PSL eu vou para qualquer posição – disse.

Alexandre ainda simulou alguma possível composição para as eleições de 2020.

– Que possamos unir forças e ao final termos uma grande vitória em Campina Grande. O prefeito Romero poderia até indicar o vice na chapa do PSL ou o PSL indicar o vice na chapa do PSD. Qual a dificuldade que há nisso? O prefeito tem o respeito e admiração do presidente Bolsonaro e tem todo o acesso e credenciais necessárias para ter, aqui, o apoio do PSL, como tem Julian Lemos na condução desse processo – disse.

Pela legislação eleitoral, o vereador só poderá sair do PHS em março de 2020 dentro da janela partidária.

– Não tenho dúvida e não vou negar para ninguém que o meu partido hoje, do coração, se chama PSL – concluiu.

*Informações da Rádio Campina FM

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube