Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Justiça condena ex-secretária da Prefeitura de Campina Grande

Da Redação. Publicado em 15 de agosto de 2019 às 23:44.

Foto: Paraibaonline

Uma decisão da 1ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Campina Grande condenou a ex-secretária de Saúde de Campina Grande, Lúcia de Fátima Gonçalves Maia Derks, pelo crime de improbidade administrativa.

Também foram condenados o corretor de imóveis Pedro Ivo Barbosa Veloso de Brito e a ex-gerente de Recursos Humanos da Secretaria, Germana Cunha Lima Ramos. Todos são acusados de envolvimento em irregularidades na locação de imóveis para a Secretaria Municipal de Saúde

A justiça acatou a denúncia feita pelo Ministério Público de que teria ocorrido um procedimento de Dispensa de Licitação para a locação de um imóvel no valor de R$ 3,5 mil, no bairro do Catolé, em Campina Grande. Esse imóvel seria de propriedade da ex-gerente, Gemana Cunha Lima.

Na denúncia o MP alega que a ex-secretária de Saúde teria participado da elaboração do contrato de locação do imóvel, de forma direta, sem a licitação. O local foi alugado para a instalação do Centro de Atenção Psicossocial (Caps II). Na locação não foi apresentada qualquer justificativa para a escolha do local.

*Com informações do g1

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube