Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Empresário responde provocações de deputado do PSL: “desprezível”

Da Redação. Publicado em 7 de agosto de 2019 às 15:21.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O empresário campinense Artur Bolinha comentou sobre a possibilidade de filiar-se ao PSL, partido do presidente da República Jair Bolsonaro, durante uma coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 7, em que anunciou a pretensão de ser candidato a prefeito de Campina Grande nas eleições do próximo ano.

Indagado se o fato de ter sido aliado do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) no passado poderia prejudicar a ida para o PSL, Bolinha destacou que não, pois todos sabem de seus posicionamentos liberais e conservadores, frisando que nunca teve um perfil “socialista”.

– Eu votei em Ricardo em 2010 contra Maranhão. Sem sombra de dúvida era o melhor nome. Em 2014, Ricardo fez um bom governo e votei nele. Mas, nunca tive um perfil socialista. Minhas posições liberais e conservadoras sempre estiveram postas de forma muita aberta. Nas manifestações do impeachment de Dilma eu estava lá, não perdi uma. Muita gente que está no PSL hoje se escondia, mas eu estava nas manifestações do impeachment de Dilma. Ano passado, assumi publicamente a candidatura de Bolsonaro. A única campanha majoritária que eu fiz, fora a minha própria campanha, foi a de Bolsonaro – ponderou.

Bolinha ainda destacou que nas eleições passadas, em que disputou uma vaga para deputado estadual, nunca vinculou a candidatura ao grupo do governador João Azevêdo (PSB), mesmo estando, na época, no PPL, partido aliado dos socialistas.

– Não vinculei minha campanha em absolutamente nada a João Azevêdo. Não votei em Veneziano, não votei em Luiz Couto. Pelo contrário, me afastei completamente da campanha porque não ia ficar em uma coligação em que o PT se encontrava – pontuou.

Ainda na entrevista, Bolinha retomou as considerações sobre ter apoiado o ex-governador Ricardo Coutinho nas eleições passadas.

– Agora, temos que entender o seguinte: se Ricardo fosse dez vezes candidato contra Maranhão, eu votaria dez vezes em Ricardo, pois ele é muito mais preparado do que Maranhão. Maranhão já teve o seu tempo – externou.

Sobre as declarações do deputado estadual Moacir Rodrigues (PSL) de que ele [Bolinha] seria um “esquerdista”, o empresário salientou que o parlamentar mostra “desconhecimento da realidade”.

– Poucas pessoas são tão conservadores quanto eu. Todos os meus valores foram voltados aos valores que o PSL abraçou como suas causas, e antes o partido não tinha essas bandeiras. O que Moacir fala, infelizmente, é desprezível. É uma pena, é lamentável, vindo de uma figura que tem um mandato de deputado estadual. É como se a Paraíba tivesse apenas 35 deputados estaduais. Muito ruim isso – reprovou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube