Fechar

logo

Fechar

Associação de delegados classifica Lei do Abuso de Autoridade como estatuto do crime

Da Redação*. Publicado em 28 de agosto de 2019 às 10:04.

A polêmica Lei do Abuso de Autoridade continua em pauta no meio jurídico.

Dessa vez, quem se pronunciou contra a proposta foi a presidente da Associação dos Delegados da Polícia Federal, Carolina Patriota.

Em entrevista repercutida na Rádio Arapuan FM, nesta terça-feira (27), Carolina disse que a lei é um estatuto do crime e que espera o veto presidencial.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Foto ilustrativa: Agência Brasil

– A Lei do Abuso de Autoridade a gente tem denominado ela de estatuto do crime. A Associação dos Delegados da Polícia Federal é totalmente contra.  Esperamos o veto presidencial. Ela é uma lei, uma iniciativa de 2017 e ficou parado em berço esplêndido no Congresso, em 2019 foi logo votado. Ele não teve maturidade, não foi amadurecido do ponto de vista jurídico. Foi uma total falta de responsabilidade dos parlamentares que não tiveram coragem de votar nominalmente. Foi uma lei votada a toque de caixa aproveitando o momento que a Lava Jato se enfraqueceu por causa dos vazamentos do The Intercept e traz principalmente a dificuldade dos operadores de direito de operacionar as ferramentas jurídicas que dispunham por fatos não esclarecidos – apontou.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube