Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Aesa estipula prazo para águas voltarem a correr pelo Eixo leste da Transposição

Da Redação. Publicado em 16 de julho de 2019 às 21:02.

O engenheiro Porfírio Loureiro, que é o diretor-presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), comentou sobre as denúncias feitas pelo vereador Cajó Menezes (PSDB), do município de Monteiro, no Cariri paraibano, sobre a obra da transposição do Rio São Francisco ter sido abandonada pelo governo federal na cidade.

Além disso, Cajó teria informado que árvores estão crescendo às margens do canal da transposição causando danos.

– Na realidade, a ANA dar outorga da obra. A responsabilidade da obra em si física é do Ministério do Desenvolvimento Regional. Os quatros estados, que são os receptores dessa água e são os beneficiários, acompanham permanentemente. Nestes próximos 60 dias vão fazer teste até EBV-6 e vão colocar água em todos os 217 quilômetros do Eixo Leste. O vereador Cajó relatou este fato e pode ser alguma coisa que tenha acontecido no final do canal. Acho que o Ministério do Desenvolvimento vai tomar as providências – disse Loureiro.

As informações foram veiculadas na Rádio CBN FM.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube