Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Troca de farpas entre ministro e presidente da Câmara Federal

Da Redação*. Publicado em 15 de junho de 2019 às 9:30.

Fotos: ABr

Fotos: ABr

O ministro Paulo Guedes (Economia) criticou o novo texto da reforma da Previdência, apresentado quinta-feira pelo relator Samuel Moreira (PSDB-SP).

A proposta, segundo ele, atende o lobby dos servidores e inviabiliza o regime de capitalização.

“Vou respeitar a decisão do Congresso, da Câmara. Agora, se aprovar a reforma do relator, que são R$ 860 bilhões após os cortes, abortaram a Nova Previdência”, disse.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), saiu em defesa do novo texto. “O governo é uma usina de crises”, afirmou.

“Vamos aprovar a Previdência. Nós blindamos a reforma das crises que são geradas todos os dias pelo governo. Hoje infelizmente foi meu amigo Paulo Guedes, numa crise desnecessária.”

Maia afirmou que o Congresso “está comandando sozinho a articulação pela aprovação da reforma”.

*fonte: estadao

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube