Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Mais de 200 mil pessoas são esperadas na festa da rota cultural Caminhos do Frio

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 8 de junho de 2019 às 9:35.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Começa no dia 1º de julho mais uma edição do Programa Rota Cultural Caminhos do Frio na Paraíba, que envolve nove municípios da região do brejo com a temperatura climática das mais baixas, durante a estação invernosa no estado, o que propicia aos visitantes um novo olhar à Paraíba, onde o que prevalece é o clima quente e seco. A expectativa dos organizadores é que mais de 200 mil pessoas passem pelo brejo para curtir a rota que já configura no calendário de eventos do Estado.

Esta é a 14ª edição do programa, que este ano tem um brilho a mais porque será comemorado o centenário do grande artista Jackson do Pandeiro, o Rei do Ritmo, que nasceu no município de Alagoa Grande, cujo município faz parte da rota da friaca na região do brejo.

O programa tem início no município de Areia e se encerra no dia 1º de setembro em Alagoa Grande, onde uma programação extensa será desenvolvida, que vai das feiras culturais, exposições, mostra de artes, oficinas, palestras, espetáculos teatrais, mostra literária, mostra de cinema e festival de dança.

Em cada cidade há uma programação diversificada para atrair o turista.

É através desta rota que o turista tem a oportunidade de ver toda a beleza e as riquezas da gastronomia, do folclore, da beleza dos engenhos de cachaça e apreciar o gosto desta bebida que só tem aqui na região do brejo paraibano.

Também de degustar as comidas típicas, os doces feitos das frutas tropicais cultivadas no local, fazer a farinha da roça, andar a cavalo, carroça de boi, tomar banho de cachoeira e participar de várias atividades esportivas como rapel e trilhas.

Serão dois meses de intensas atividades e festas com o objetivo de atrair os turistas, movimentar a economia na região e de mostrar o que de bom e autêntico existe nos pitorescos municípios de Areia, Pilões, Matinhas, Solânea, Serraria, Bananeiras, Remígio, Alagoa Nova e Alagoa Grande, que compõem o anel do brejo paraibano.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

O presidente do Fórum de Turismo que congrega a Rota Cultural Caminhos do Frio, Sergerson Silvestre, destacou a importância do evento, que vem cada vez mais movimentando a economia local, desenvolvendo o brejo e mostrando que o turismo na Paraíba está além do sol e das praias.

“Nós temos uma diversidade cultural muito rica e a nossa região é muito linda e cheia de detalhes para mostrar para os turistas e para a própria população paraibana. Temos a nossa gastronomia, nosso artesanato produzido de matéria-prima natural, nossas bordadeiras, enfim, temos uma infinidade de coisas lindas para mostrar do nosso lugar e este ano, esperamos superar as expectativas de público. Esperamos cerca de duzentas mim pessoas ao longo dos dois meses de festa do “Caminhos do Frio”, ressaltou.

Apesar da crise financeira, gestores dos nove municípios que abraçaram o projeto “Caminhos do Frio”, estão confiantes no sucesso do evento e apela para que o governo do Estado ajude de alguma forma nessa 14ª edição, que promete avançar com mais infraestrura na acomodação dos turistas com investimentos em bares, restaurantes, pousadas e hotéis.

 A programação está no site do Destino Brejo da Paraíba.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube