Fechar

logo

Fechar

Iniciativas de Sumé, Campina e João Pessoa vencem etapa estadual do Prêmio Sebrae

Ascom. Publicado em 12 de junho de 2019 às 11:48.

O que é inovação e como a educação empreendedora pode incentivar as pessoas a construírem soluções inovadoras para os grandes e pequenos problemas sociais? Essa foi a dúvida levantada na tarde desta terça-feira (11) pelo professor PHD Luciano Meira, durante palestra proferida a uma plateia repleta de educadores que pensam o empreendedorismo em suas práticas cotidianas.

A palestra integrou a cerimônia da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora, que premiou três iniciativas locais nas categorias ensino fundamental, médio e superior.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Os projetos vencedores vão concorrer, agora, à etapa regional do prêmio. Na categoria Ensino Fundamental, a iniciativa vencedora foi “Empreendedorismo na Escola Agrotécnica de Sumé”, desenvolvida pelo Secretário de Educação Municipal, Odilon Araújo, e que promove ações para a conservação do umbu, fruta típica da região, aliada ao desenvolvimento sustentável da sua cadeia produtiva, assim como realiza, desde 2011, o Festival do Umbu.

Por sua vez, a categoria Ensino Médio contemplou o projeto “Desafio Lourdinas de Empreendedorismo e Inovação”, iniciativa do professor Vicente de Paulo Albuquerque em Campina Grande e que incentiva o desenvolvimento de competências, habilidades e atitudes para a inserção do aluno no mundo do empreendedorismo e da inovação.

Já na categoria Ensino Superior foi premiada a “Mostra de Empreendedores na Gastronomia”, ação promovida pela professora Maria dos Remédios Antunes, na UFPB, na qual os participantes desenvolvem planos de negócio para expor seus produtos a possíveis investidores que avaliam o seu potencial.

Para o diretor técnico do Sebrae Paraíba, Luiz Alberto Amorim, a educação empreendedora sendo estimulada desde o Ensino Fundamental é essencial para plantar as sementes da cultura empreendedora.

“Assim, é possível construir outra visão de mundo, ao mostrar que se pode empreender não necessariamente tendo um negócio, mas na função que quiser, desde que se tenha uma visão de mais compreensão e ousadia, buscando sempre compartilhar e contribuir com os problemas da sociedade”, afirmou.

Já a gestora do programa de educação empreendedora da instituição, Nelijane Ricarte, destacou que as boas práticas premiadas são responsáveis por disseminar a cultura empreendedora.

“Além disso, as iniciativas exitosas promovem o empreendedorismo nas instituições, e quanto mais se exaltam os bons exemplos, mais se fomenta essa cultura”, frisou. As 14 iniciativas inscritas para o prêmio também foram reconhecidas durante a cerimônia de premiação.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Durante palestra que contou com intensa participação da plateia, o professor e PHD Luciano Meira discutiu acerca da educação empreendedora como provocadora do futuro, no sentido de reunir pessoas em torno da ideação e solução de problemas, demandas e dores da sociedade por meio da inovação.

Para ele, inovação é criação e oferta de novidades sustentáveis que trazem valor para uma audiência que, por sua vez, muda de comportamento em função dessa novidade. Em resumo: inovar é provocar o futuro.

“Todas as pessoas têm potencial, o que falta é desenhar esses espaços de aprendizagem de tal forma que elas se lancem de maneira imersiva na criação de possibilidades. Então, desde a educação infantil é possível despertar os processos inerentes à criação, como é o caso da criatividade. Infelizmente, a escola não é muito boa nisso. Assim, a educação empreendedora nas escolas deve ser construída por meio de desafios bem balanceados que disparem não apenas a necessidade de resolução de problemas, mas também a sua identificação”, explicou.

O Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora foi formatado em parceria com a Fundação Nacional de Qualidade (FNQ) para reconhecer iniciativas que fazem a diferença na vida e no futuro de crianças e jovens estudantes, do Ensino Fundamental ao Profissional.

As melhores iniciativas serão reconhecidas ainda nas etapas regional e nacional. A cerimônia de premiação nacional está prevista para ocorrer após o mês de agosto deste ano.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube