Fechar

logo

Fechar

Secretário rebate advogado e diz que licitação do São João não tem irregularidades

Da Redação. Publicado em 25 de maio de 2019 às 12:03.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O secretário de Administração de Campina Grande, Paulo Roberto Diniz, rebateu a acusação do advogado de João Pessoa, Ricardo Bezerra, de que a forma de contratação de artistas para o Maior São João do Mundo seria irregular, pois, segundo ele, o formato de pregão seria apenas para a parte estrutural do evento.

– Nenhuma irregularidade. Quem deveria apontar irregularidade, que era o TCE, se abrirmos o portal de licitações realizadas, o próprio Tribunal vai identificar que não há nenhuma objeção com relação a isso. Para se ter uma ideia, isso facilita a contratação de bandas – disse.

O secretário exaltou o modelo de gestão criado por Romero Rodrigues o que, segundo ele, garantiu economicidade para a cidade.

– Com esse modelo estamos gastando 25% a menos do que gastamos anteriormente. É o princípio da economicidade e foi mantido. A licitação foi aberta para qualquer empresa participar, desde que tivesse condições de executar a estrutura e de contratar os artistas para uma programação feita com base em critérios – disse.

Paulo Roberto ainda ressaltou que o evento também conta com uma vasta programação diária que valoriza as raízes nordestinas, como os trios de forró-pé-de-serra, com um número superior a 120, e ainda criticou o advogado:

– Os trios de forró vão se apresentar todos os dias. É muita falta de conhecimento sobre o evento em si. Ele (o advogado) deveria verificar a preservação da contratação de artistas da terra – ressaltou.

As informações são da Rádio Campina FM

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube