Quantcast

Fechar

logo

Fechar

PMJP recebe apoio de lideranças religiosas para “Dia D” da vacinação contra a gripe

Da Redação com Secom/JP. Publicado em 25 de maio de 2019 às 10:59.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

A vacinação é um ato de amor ao próximo e a si mesmo. É com essa preocupação que templos católicos, evangélicos e espíritas decidiram abraçar a campanha de imunização contra a gripe este ano, em João Pessoa.

Padres, pastores e espíritas vão aproveitar as reuniões deste sábado (25) e domingo (26) para convidar o público-alvo a aderir à campanha. Está sendo programado um “Dia D”, para a vacinação de quem ainda não foi imunizado, prevista para o próximo dia 2 de junho.

Nesta data, a Secretaria Municipal de Saúde vai disponibilizar equipes de profissionais de saúde nos templos religiosos, no período das 8h às 12h. Eles vão atender ao público-alvo da campanha.

O secretário de Saúde, Adalberto Fulgêncio, ressaltou que a medida visa garantir um bloqueio contra a doença com a prevenção principalmente do público mais vulnerável. Nesta edição a campanha visa também combater as “fake news” sobre o tema da vacinação.

“A Prefeitura Municipal de João Pessoa tem a proposta de garantir a proteção, prevenção. Mais do que garantir a oferta, temos tentando trazer esses públicos, os grupos prioritários da campanha, para se protegerem e dessa forma, cuidar da saúde”, explicou Adalberto Fulgêncio.

“Temos feito ações em ambientes públicos, nos supermercados, praças e locais de grandes concentrações de pessoas, mobilizando e criando uma corrente de proteção, esse também é o nosso papel”, completou o secretário de saúde.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

Com base nas reuniões, ficaram definidos a elaboração de um calendário estratégico para imunizar os grupos de risco, nos Centros ou Igrejas de referência, conforme definido com os responsáveis de cada comunidade, além de ações de orientações voltadas para prevenção de doenças.

“A partir do momento em que a gente cuida da nossa saúde, a gente está cuidando também da saúde do próximo. É um ciclo preventivo de evitar o adoecimento e a transmissão da doença”, disse Dom Manoel Delson, arcebispo metropolitano da Paraíba. “Eu tomo a vacina há aproximadamente 17 anos, foi uma opção de cuidar mais de mim e das pessoas, já que convivemos e conversamos com muitas pessoas, todos os dias”, completou.

O pastor Estevam Fernandes, líder da Primeira Igreja Batista de João Pessoa, ressaltou a importância do espírito cristão em se colocar à disposição do outro. Ele se comprometeu, também, em ajudar na mobilização

. “Vamos todos abraçar essa causa e cuidar da saúde. Vamos procurar postinho e manter a vacina em dia. É cuidar de si e também cuidar do próximo”, destacou.

Campanha – A campanha nacional de vacinação contra a gripe segue até o dia 31 de maio, com a meta de vacinar 90% dos grupos de risco, o que representa 211.566 pessoas e, assim garantir uma proteção para a população.

A vacina protege contra os três subtipos do vírus da gripe determinados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para este ano (Influenza A/H1N1; Influenza A/H3N2 e Influenza B). Na ocasião, será realizado atualização da caderneta vacinal de crianças e gestantes.

Público prioritário – Fazem parte do grupo de risco pessoas com 60 anos ou mais de idade, crianças na faixa etária de 6 meses até 5 anos,11 meses e 29 dias, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e Profissionais das forças de segurança e salvamento (policiais, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas).

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube