Quantcast

Fechar

logo

Fechar

João Pessoa já vacinou 58% do público-alvo na Campanha de Vacinação contra a Gripe

Da Redação com Secom/JP. Publicado em 26 de maio de 2019 às 8:18.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

Mais de 124 mil doses de vacina foram aplicadas até esta sexta-feira (24), em João Pessoa, dentro da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe. O número corresponde a 58% do total de 211 mil pessoas que compõem os grupos de risco na Capital. A campanha segue até a próxima sexta-feira (31) com a meta de imunizar 90% (190 mil) do público-alvo.

Para alcançar a meta, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) realizou uma mobilização neste sábado (25), disponibilizando mais de 100 postos de imunização. Durante toda a manhã, estavam abertas todas as Unidades de Saúde da Família (USF), Policlínicas Municipais e o Centro Municipal de Imunizações (CMI) para receber as pessoas que integram os grupos prioritários.

A dona de casa, Maria de Lourdes Cavalcante, 65 anos, saiu bem cedo de casa e se dirigiu até o CMI para tomar sua dose da vacina. “Todos os anos eu venho me vacinar, porque assim me sinto mais protegida. Da mesma forma, eu incentivo que meu filho traga a minha neta que, inclusive, também já tomou a vacina”, disse.

A técnica de enfermagem Emília Coutinho também foi a uma das salas de vacina da Rede Municipal para imunizar a filha Clarisse, de três anos.

“Trabalho dentro de hospital e sei da importância de criar esse bloqueio de imunização e se proteger. Por não terem se vacinado, vejo casos de pessoas idosas evoluírem para uma pneumonia e, crianças para bronquite e outras doenças respiratórias. Não é apenas uma estatística, saúde é coisa séria!”, disse a profissional de saúde.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

Grupo de Risco – São considerados grupos de risco, pelo Ministério da Saúde, pessoas com 60 anos ou mais, crianças na faixa etária de seis meses até menores de seis anos de idade, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e profissionais das forças de segurança e salvamento (policiais, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas).

“Imunizando essas pessoas, conseguimos criar uma proteção contra a proliferação do vírus para toda a população. Estamos trabalhando para garantir a assistência e, em conjunto com as equipes de imunização, fazer uma vacinação de bloqueio, não permitindo a circulação do vírus da gripe”, afirmou Fernando Virgolino, chefe da seção de Imunização.

A vacina protege contra os três subtipos do vírus da gripe determinados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para este ano (Influenza A/H1N1; Influenza A/H3N2 e Influenza B). Aqueles que ainda não se vacinaram poderão procurar a USF mais próxima de sua casa, de segunda a sexta-feira.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube