Quantcast

Fechar

logo

Fechar

HUAC promove ação educativa no Dia Mundial da Saúde Digestiva

Da Redação com Ascom. Publicado em 23 de maio de 2019 às 11:25.

O Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC-UFCG), da Universidade Federal de Campina Grande e vinculado à Rede Ebserh, vai realizar uma ação educativa, na próxima semana, para marcar o Dia Mundial da Saúde Digestiva, celebrado em 29 de maio.

A programação está sendo organizada pela Gerência de Atenção à Saúde, com apoio da Gerência de Ensino e Pesquisa, Sociedade de Gastroenterologia da Paraíba (SGPB) e Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG).

Foto: Ascom

Foto: Ascom

A iniciativa no HUAC terá dois momentos distintos: um voltado para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) e outro para a comunidade acadêmica e colaboradores do Hospital Universitário.

Haverá distribuição de material educativo, orientação a pacientes e visitantes e verificação de sinais vitais, além da palestra “Câncer Colorretal: um alerta à prevenção”, que será proferida pelo cirurgião oncológico Max Jofilly de Souza, do HUAC/Ebserh.

Com exceção da palestra, que ocorrerá na Sala de Videoconferência do hospital, todas as outras atividades serão realizadas no hall do Caese (Centro de Assistência Especializada de Saúde e Ensino).

Como foco para a campanha em todo o mundo em 2019, a Organização Mundial de Gastroenterologia escolheu o tema “Diagnóstico e Tratamento precoce do Câncer Gastrointestinal”. Segundo o médico Irigrácin Basílio, professor de Gastroenterologia da UFCG, presidente da SGPB e membro titular da FBG, o dia 29 de maio tem uma importância muito grande para a área e também para a comunidade.

“É uma data muito especial para a gastroenterologia, pois comemoramos o Dia Mundial da Saúde Digestiva e o Dia do Gastroenterologista.  Aproveitamos a ocasião para orientar a população sobre a importância do diagnóstico precoce no tratamento das doenças do aparelho digestivo”, explicou o especialista.

Atualmente, quatro dos sete principais tipos de câncer mais comuns são do sistema digestivo. A doença é a segunda principal causa de morte no mundo, com cerca de 18 milhões de casos. No Brasil, registra o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de estômago é o terceiro tipo mais frequente entre os homens e o quinto entre as mulheres. Na Paraíba, até o fim de 2018, a estimativa era que 270 homens e 200 mulheres fossem diagnosticados com a doença.

Conforme o professor Irigrácin Basílio, vários fatores de riscos estão envolvidos no desenvolvimento do câncer. “Por exemplo, em relação ao câncer intestinal, a falta de atividade física, a obesidade e alguns alimentos constituem risco à saúde digestiva se não forem combatidos pela população. Então, a promoção da saúde começa com a conscientização da população sobre as maneiras de evitar a doença, seja por mudanças de hábitos, seja por meio da realização de exames”, afirmou.

PROGRAMAÇÃO

 MANHÃ

Horário:  7h30 às 11h30

Local:  hall do Caese – HUAC

– Distribuição de material educativo

– Orientações aos pacientes e visitantes

– Verificação de sinais vitais

TARDE

Horário:  13h às 16h

Local:  hall do Caese – HUAC

– Distribuição de material educativo​

– Orientações aos pacientes e visitantes

– Verificação de sinais vitais

Horário:  16h

Local: Sala de Videoconferência – HUAC

– Palestra: “Câncer Colorretal: um alerta à prevenção”

Max Jofilly de Souza, cirurgião oncológico HUAC/Ebserh

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube