Fechar

logo

Fechar

Vigilantes de transportes de valores podem deflagrar greve, alerta sindicalista

Da Redação*. Publicado em 8 de abril de 2019 às 9:35.

Vigilantes que atuam em transportes de valores cruzaram os braços na última sexta-feira, 5, depois que representantes do segmento patronal não compareceram a uma reunião no Ministério Público, em João Pessoa, para discutir o reajuste salarial e cumprimento da data-base.

Em entrevista à Rádio Campina FM, o presidente do Sindicato dos Vigilantes de Transportes de Valores, Laudivan Gonçalves, disse que a categoria está em campanha salarial e a classe patronal não quer negociar, pois oferece um reajuste de 2,5%, enquanto os trabalhadores querem de pelo menos 5%.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

– Os patrões estão sem querer negociar e do nada desmarcaram uma reunião em João Pessoa e, por isso, a categoria decidiu cruzar os braços. Este ano, eles estão dificultando as negociações. Diariamente colocamos nossas vidas em risco e por outro lado as empresas não estão querendo colocar os direitos dos trabalhadores. A Paraíba é o estado que paga os piores salários e somos nós quem carregamos a economia do Brasil – disse.

Laudivan ainda ressaltou que, caso o acordo não seja firmado conforme a categoria almeja, esta pode enveredar para uma greve.

*As informações são da Rádio Campina FM

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube