Fechar

logo

Fechar

PMs da Bahia são presos na Paraíba suspeitos de realizar sequestros e outros crimes

Da Redação*. Publicado em 18 de abril de 2019 às 10:19.

Foto: Ascom

Nessa quarta-feira (17), a Polícia Civil prendeu na zona rural de Fagundes, três homens suspeitos de praticar sequestros de empresários, adulteração e roubo de veículos e explosões a bancos, na Paraíba. Dois deles já foram identificados como policiais militares do Estado da Bahia.

De acordo com informações repassadas pela polícia, a prisão ocorreu em um sítio na zona rural de Fagundes, região do Agreste paraibano, no momento em que eles se preparavam para realizar mais um crime. Os suspeitos são Diego Afonso Saraiva, Danilo Fernando Oliveira Alcântara e Eberson Carmo dos Santos.

Os policiais chegaram ao local e flagraram os suspeitos adulterando sinais identificadores de um veículo. Eles portavam uma espingarda calibre 12, um revólver calibre 357, pistolas ponto 40 e ponto 45, além de carregadores de pistola, centenas de munições e placas de veículos. Também foi encontrado um contêiner que, segundo a investigação, poderia ser onde os suspeitos mantinham os sequestrados presos.

Segundo a polícia, os suspeitos se identificaram como policiais militares da Bahia e já houve a confirmação de que dois deles realmente são. Já o terceiro suspeito apresentou um documento, mas que até o momento atual não teve veracidade comprovada.

Três empresários que foram vítimas de sequestros no ano passado e em março deste ano, em Campina Grande, já foram até a Central de Polícia e identificaram os suspeitos.

Os presos foram autuados em flagrante pelos crimes de adulteração de sinal de veículo automotor, receptação, porte ilegal de arma de fogo, falsidade documental, apresentar-se falsamente como funcionário público, associação criminosa e serão indiciados nos três casos de sequestros em que foram reconhecidos pelas vítimas.

*As informações foram veiculadas na Rádio Campina FM

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube