Fechar

logo

Fechar

Jovens em idade produtiva são maioria no número de vítimas de acidentes de moto

Da Redação*. Publicado em 15 de abril de 2019 às 8:28.

A cada dia o número de acidentes e mortes no trânsito tem aumentado. Segundo especialistas, as causas para isso são imprudência aliada à ingestão de bebida alcoólica ou outros tipos de droga.

As motocicletas são um dos principais veículos que proporcionam o aumento desse número, caso o seu condutor não respeite as regras de trânsito e de segurança pessoal. O que mais preocupa é que a maioria das vítimas são jovens em idade produtiva.

Foto: Reprodução/ Internet

Foto: Reprodução

De acordo com o médico Rodrigo Amorim, do Hospital de Trauma de Campina Grande, os jovens de 20 a 29 anos são os que têm mais dado entrada no hospital apresentando traumas decorrentes de acidente por motocicletas. Os casos mais graves são de pacientes politraumatizados e os mais comuns são traumatismo craniano e de extremidades.

– Dados do Ministério da Saúde mostram que 20% dos pacientes vítimas de acidente de moto assumiram ter ingerido bebida alcoólica e outros 20% assumiram não ter usado capacete e outros equipamentos de segurança. São uma junção de fatores que levam ao aumento desses números de traumas e mortes por acidente de moto – disse.

O diretor do Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) Márcio Leandro, reforçou a fala do médico.

Ele ressaltou que os corpos que dão entrada no Núcleo apresentam múltiplas fraturas, e as vítimas que dão entrada para tirar o seguro Dpvat apresentam sequelas irreparáveis, como amputação de membros inferiores e superiores, de dedos, entre outros casos.

– Temos visto que o poder público tem feito sua parte, com campanhas de prevenção e fiscalização, mas o que falta é a conscientização dos próprios condutores – ressaltou.

*As informações são da Rádio Campina FM

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube