Fechar

logo

Fechar

Bispo de Campina Grande reúne-se com padres e leigos da Paróquia de Queimadas

Da Redação com Ascom. Publicado em 21 de fevereiro de 2019 às 8:46.

Dando continuidade às visitas para prestação de contas da OVS – Obra das Vocações Sacerdotais, nesta quarta-feira (20), Dom Dulcênio esteve na Paróquia de Queimadas, reunido com padres e leigos das Foranias Agreste 1 e 2.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Na ocasião, o bispo diocesano apresentou aos sacerdotes, contribuintes e animadores, os recursos arrecadados pelas doações financeiras e como tais recursos foram investidos no Seminário Diocesano São João Maria Vianney, em prol da formação dos seminaristas.

Dom Dulcênio apresentou as mudanças significativas que aconteceram após a implantação a OVS na Diocese, e falou das próximas melhorias a serem executadas o Seminário Diocesano.

O bispo reforçou que é necessário se organizar e continuar estimulando cada vez mais a OVS nas comunidades, de ir sempre ao encontro das pessoas, se empenhando para que os fiéis se disponham a contribuir, primeiramente com a nossa casa, nossa paróquia e a nossa Diocese.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

“Foi graças a este auxílio que o Seminário vem conseguindo caminhar bem. Se não houvesse sido plantado a OVS, este ano estaríamos com dificuldade na manutenção”, declarou.

Na sequência, o padre Evanilson José, pároco da Paróquia Nossa Senhora da Guia (Queimadas – PB), atual ecônomo da Diocese e do Seminário Diocesano, falou sobre as despesas da Diocese, esclarecendo como os recursos arrecadados pela OVS vem sendo investidos nas formações do Seminário.

O padre Jan Joris, pároco da Paróquia Nossa Senhora da Conceição e São Bento (Cabaceiras – PB) contribuiu falando como é admirável ver a mudança que o Seminário obteve no decorrer do tempo, onde os estudos nascem da oração e da fé e não só de estudos acadêmicos.

Ao final, Dom Dulcênio distribuiu uma carta de agradecimento pelo empenho e fez leitura do relatório de arrecadações das paróquias referente ao segundo semestre de 2018, bem como o repasse da Diocese para o Seminário durante o mesmo ano.

“Este trabalho é das forças vivas da comunidade”, disse o Bispo, destacando que é necessário o empenho de todos, padres e leigos inseridos nas pastorais, movimentos e grupos, bem como, realização do trabalho vocacional nas paróquias, suscitando assim novas vocações para atender ao crescimento das comunidades.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube