Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Ex-governador da Paraíba: “Bolsonaro não é o dono do Brasil”

Da Redação*. Publicado em 2 de janeiro de 2019 às 9:35.

O ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB) avaliou os oito anos à frente do Estado e disse que teve mais do que imaginaria que teria em um estado, segundo ele, comandado por famílias.

Coutinho citou que a Paraíba era oligarquizada, e o povo sempre ficava de lado nas decisões mais importantes, mas ele conseguiu quebrar esse tipo de política com trabalho e dedicação.

O socialista avaliou que foi muito difícil tomar qualquer decisão enquanto governador, citando o fim do racionamento em Campina Grande.

Foto: Paraibaonline

– A Paraíba era um estado oligarquizado que funcionava muito para a família e pouco para o povo, e eu sei o preço que se paga por quebrar isso, mas faria tudo novamente, porque isso faz parte da visão política que carrego – frisou.

Ricardo declarou que, mesmo após retaliações, foi possível avançar cada vez mais dentro da sua forma de fazer política.

Sobre o governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL), Ricardo destacou que Bolsonaro foi eleito presidente e que é preciso que exista respeito mútuo, independente das discordâncias ideológicas.

– O governo Bolsonaro é uma incógnita. As teses que norteiam a sua existência não são as minhas teses, mas isso não invalida a posse que ele toma hoje. Em uma República, você é obrigado a respeitar. Bolsonaro não é o dono do Brasil, foi eleito presidente para quatro anos. É assim que são as coisas. Não nos mete medo. O que é importante é saber respeitar a autoridade presidencial, apesar de discordar politicamente, e exigir respeito – disse.

*As informações foram veiculadas na Rádio Caturité FM

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube