Quantcast

Fechar

logo

Fechar

CTMU poderá ser desfeito em Campina por falta de secretários em reuniões

Da Redação*. Publicado em 17 de dezembro de 2018 às 8:59.

O Comitê Técnico de Mobilidade Urbana (CTMU) está na iminência de ser desfeito em Campina Grande. A decisão já poderá ser realizada no dia 4 de fevereiro de 2019, para quando está marcada a primeira reunião do ano após o recesso das atividades.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

A informação é do próprio presidente do CTMU, Anchieta Bernardino. Ele disse que a decisão diz respeito à falta da participação dos secretários municipais nas reuniões. Segundo ele, sem a presença desses, acontecem impasses que causam a inviabilidade da movimentação do Comitê e realização das metas.

Anchieta disse que as secretarias enviam técnicos para participar das reuniões, mas o Comitê quer a presença dos secretários de Planejamento, Serviços Urbanos e da STTP. A única secretária que participa, de acordo com ele, é a de Obras, Fernanda Ribeiro.

– Já tínhamos feito uma reunião com o prefeito em agosto passado e ele tinha pedido para os secretários que fizessem presença no Comitê. Sempre precisamos da presença deles, porque as decisões tomadas no conselho, sem o secretário, não têm como caminhar e aí fica o impasse. O Comitê é importante para tomar as demandas da sociedade – disse.

Anchieta ainda explicou que, caso o CTMU seja desfeito em Campina Grande, a cidade poderá sofrer sanções pois estará descumprindo a Lei de Mobilidade Urbana, e os recursos para o setor seriam retidos.

– A Lei de Mobilidade Urbana prevê que o Comitê faça o elo entre o poder público e a sociedade civil. Sem o Comitê, a cidade estaria descumprindo a lei, e a cidade não receberia mais recursos, pois é necessário que exista esse espaço de discussão – disse.

*As informações são da Rádio Campina FM

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube