Fechar

logo

Fechar

Advogado destaca criação de Agência Nacional de Proteção de Dados

Da Redação. Publicado em 28 de dezembro de 2018 às 9:22.

Foto: ascom

Foto: ascom

O advogado, professor da Universidade Estadual da Paraíba e especialista nos assuntos que envolvem Direito e Mundo Digital, Cláudio Lucena, comentou sobre a palestra proferida nessa quinta-feira (27) para associados do Sindicato que congrega os empresários do segmento de bares, restaurantes e similares e citou que é preciso aplicar a inteligência artificial no dia a dia das empresas desse tipo de setor.

Ele destacou que identificou compartilhamento e colaboração e noção de gestão de redes como itens importantes para implementação em bares, restaurantes e afins.

– Muita gente acha que a inteligência artificial é para quem tem muito dinheiro. A inteligência artificial pode ser utilizada para identificar desejos e reações, pode identificar que o indivíduo naquele dia quer comer uma pizza ou um filé – disse.

Cláudio declarou que existe uma estratégia nacional para regulamentação de sensores para proteger dados do consumidor, além da criação de um novo órgão chamado Agência Nacional de Proteção de Dados a partir desta sexta-feira (28).

– Vai ser uma estrutura que o cidadão que tiver um dado violado pode acorrer a essa estrutura – frisou.

As informações foram concedidas à Rádio Caturité FM.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube