Fechar

logo

Fechar

Sindicato dos Vigilantes de CG aponta queda no número de contratações em 2018

Da Redação*. Publicado em 29 de novembro de 2018 às 10:59.

O presidente do Sindicato dos Vigilantes de Campina Grande, Edmir Bernardo, durante entrevista à Rádio Campina FM, falou sobre a redução do número de profissionais que atuam na cidade durante este ano.

– Houve queda na contratação de vigilantes e, além disso, muitos ficaram desempregados sendo substituídos por porteiros. Não houve avanços no número de vagas para vigilantes. A queda foi de 20% a 30% – disse.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Além da queda na contratação e a substituição por porteiros, Edmir disse ainda que a vigilância eletrônica tem tomado os postos de trabalho de muitos profissionais da área.

Ele ainda disse que a reforma trabalhista foi uma das causadoras da redução do número de trabalho para os vigilantes, pois além de tudo tirou direitos dos trabalhadores.

– Para se ter uma ideia, hoje estamos com uma dificuldade de se fechar nossa convenção coletiva. As empresas não têm mais interesse para isso, porque a reforma criou o subemprego através da jornada intermitente. Para nós a reforma trabalhista não houve vantagem nenhuma. Tirou a homologação do sindicato, entre outros – disse.

Apesar das dificuldades, Edmir classificou 2018 como um ano equilibrado, mas espera que o próximo seja melhor para todos os trabalhadores.

*Informações da Rádio Campina FM

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube