Fechar

Fechar

Presidente da Aesa comenta sobre vazão da transposição

Da Redação. Publicado em 5 de novembro de 2018 às 13:57.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), João Fernandes, afirmou que faltam cerca de 30 centímetros para que o açude de Poções, na cidade Monteiro, Cariri do Estado, sangrar na caixa de descarga e as águas seguirem para o açude Camalaú.

Segundo ele, estão sendo entregues pelo Ministério da Integração uma vazão de dois metros e que o açude de Boqueirão está sendo monitorado, atualmente com quase 107 milhões de metros cúbicos.

– Está sendo acompanhado pela ANA e por nós da Aesa, e temos água numa quantidade extraordinária. Estamos esperando, é claro, as chuvas de inverno de fevereiro, março e abril. Temos quase 107 milhões, o que é 26% da sua capacidade, o que é muita água. Devemos estar ultrapassando hoje Poções, caminha para Camalaú, o que passará vários dias para chegar a caixa de descarga e seguir para Boqueirão. Está tudo sendo administrado, pois nós dependemos do que o governo solta do São Francisco – pontuou.

As declarações repercutiram na Rádio Correio FM, nesta segunda-feira, 05.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube