Fechar

logo

Fechar

Paraibano acusado de matar família na Espanha é considerado culpado em júri popular

Da Redação. Publicado em 3 de novembro de 2018 às 23:30.

Foto: Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Foto: Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Foi considerado culpado, em júri popular, neste sábado, 03, na Espanha, o paraibano François Patrick Nogueira Gouveia. Ele confessou que assassinou os tios e dois primos pequenos na cidade de Pioz, naquele país.

As informações foram divulgadas pela emissora de televisão Atena 3. A juíza Maria Elena Mayor Rodrigo, que julgou o caso, vai estipular a pena do réu nos próximos dias.

Ainda de acordo com a emissora, o júri declarou que Patrick matou os familiares com intencionalidade. O veredicto foi dado após seis dias de julgamento.

O tio do assassino e irmão do homem morto, Walfran Campos, disse que a decisão da juíza foi compatível com o pedido da Promotoria, que pediu prisão perpétua revisável.

Ainda segundo Walfran, François pegou pelo menos 80 anos de prisão, sendo 20 anos por cada assassinato. Na modalidade da pena, a cada 20 ou 30 anos, a mesma vai ser revisada para saber se o assassino tem condições de voltar ao convívio social.

Walfran disse que provavelmente o sobrinho vai permanecer no mínimo 40 anos na prisão, seguindo as leis nacionais da Espanha.

*Com informações do G1 Paraíba

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube