Fechar

logo

Fechar

Aesa quer que políticos cobrem aumento do bombeamento para água chegar a Boqueirão

Da Redação*. Publicado em 19 de novembro de 2018 às 8:59.

O presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), João Fernandes, afirmou que desde 16 de março o bombeamento da transposição foi paralisado e citou que a fase comercial só deve acontecer a partir dos primeiros meses de 2019, quando houver um contrato para bombear a água de Floresta e entregar na cidade de Monteiro.

Sobre as obras, João explicou que o aterramento da estrutura foi feito, o acabamento também e atualmente está precisando que seja feita uma Central de Controle.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

João destacou que o abastecimento dos municípios do médio Paraíba está garantido e que a transposição está bombeando dois metros por segundo. Ele disse que o bombeamento de nove metros por segundo de bombeamento ainda não é possível, pois o sistema ainda está em fase de teste e citou que é preciso que os deputados e senadores cobrem do governo federal o aumento do bombeamento para que a água chegue ao açude de Boqueirão.

– Estamos evitando conflitos e problemas. O governo federal está anunciando que está bombeando dois metros por segundo, mas não tem sido suficiente para chegar a Camalaú e chegar ao nível da caixa de descarga do São Francisco para chegar ao açude de Boqueirão – disse.

*As informações foram concedidas em entrevista à Rádio Caturité FM

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube