Fechar

Fechar

HUAC leva orientações sobre saúde para estudantes de Campina Grande

Da Redação com Ascom. Publicado em 25 de outubro de 2018 às 17:47.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

Alunos da Escola Cidadã Integral Professor Itan Pereira, em Campina Grande, tiveram uma aula diferente esta semana: um bate-papo animado e divertido sobre saúde.

Profissionais do Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC-UFCG), vinculado à Universidade Federal de Campina Grande e à Rede Ebserh, visitaram a instituição para orientar sobre a prevenção do câncer de mama.

A ação de extensão, saindo dos limites do hospital e ganhando o auditório da escola localizada no bairro de Bodocongó II, envolveu cerca de 150 estudantes da modalidade EJA (Educação de Jovens e Adultos).

A palestra, realizada na segunda-feira à noite (22), foi ministrada pela mastologista Cristina Santos Lacerda e contou com a participação do estudante de medicina Olivandro Duarte de Oliveira, que desenvolveu dinâmicas de integração e relaxamento, deixando a plateia mais à vontade para tirar dúvidas.

Foto: Ascom

Presente ao evento, a chefe da Divisão de Gestão do Cuidado, médica Cândida Cavalcanti, informou que o trabalho foi mais uma iniciativa do HUAC dentro da campanha Outubro Rosa e atendeu ao pedido da professora de Língua Portuguesa Daniele Ribeiro.

A questão da saúde, especialmente em relação ao autocuidado, está entre os temas transversais da educação, possibilitando que os saberes extraescolares contribuam para o ensino de jovens de adultos.

A diretora da Escola Itan Pereira, Maria do Socorro de Souza, destacou a importância do evento.

“Tendo em vista que nossos alunos precisam de uma orientação mais de perto, a contribuição do HU foi muito interessante. Muitas vezes, achamos que o câncer de mama é um assunto já muito falado, mas, quando há uma palestra desse tipo, percebemos o desconhecimento da comunidade estudantil. A partir de iniciativas desse tipo, a população demonstra mais interesse em se cuidar”, afirmou, já na expectativa de uma nova palestra.

IMPORTANCIA DO AUTOEXAME
Elizângela Almeida, 35 anos, é uma das alunas da Escola Itan Pereira. Ela considerou o evento muito interessante.

“Tem pessoas que não são informadas e, com as médicas falando, chamou a atenção de muitas mulheres para a importância do Outubro Rosa, para fazer o autoexame e procurar um médico”, comentou.

Para a professora de Biologia Luizianeide Barbosa, é essencial levar informação às pessoas.

“Nossos alunos precisam entender que o câncer de mama pode acontecer em qualquer mulher. Através da informação vem a prevenção, por isso que é importante esse tipo de ação, para incentivar as mulheres e também os meninos que estão aqui, que podem incentivar as mães e companheiras a fazerem o autoexame”.

A iniciativa do HUAC também foi elogiada pelo coordenador pedagógico da escola, José Ilton Bruno Eneas.

“Acho muito importante essa equipe sair do HU para dar palestras, porque é um momento diferente na escola. Além de receberem uma boa aula, de receberem boas dicas de saúde, os alunos acabam tirando suas dúvidas. Muitas pessoas não vão aos hospitais, só em último caso quando a saúde já está bem complicada. Uma palestra dentro da escola pode até motivá-los a perder a vergonha e o medo pelos médicos. Foi um ótimo estímulo”, afirmou.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube