Fechar

logo

Fechar

Voluntária do CVV comenta importância de se falar sobre o suicídio

Da Redação*. Publicado em 17 de setembro de 2018 às 9:16.

O mês de setembro é reconhecido em todo o país como o de prevenção ao suicídio, é o Setembro Amarelo.

De acordo com a voluntária do Centro de Valorização da Vida (CVV) Ana Maria, o mês tem sido importante para quebrar tabus que envolvem o ato de se falar sobre o suicídio.

De acordo com ela, é preciso que se fale no assunto como forma de prevenir e esclarecer.

– A Organização Mundial da Saúde diz que 9 em cada 10 suicídios poderiam ter sido evitados. É preciso que falemos, de forma responsável, sobre o tema para que se previna o suicídio. O CVV fala sobre isso e previne 24h por dia, não só no mês de setembro. É um mês importante para que as pessoas não se sintam sós e procurem ajuda para conversar sobre o assunto, seja no CVV ou com profissionais de psicologia, psiquiatria quando há quadros de depressão – contou.

Ana ainda disse que há alguns anos a mídia era muito fechada a tocar no assunto, mas atualmente há mais espaços. O tema deve ser abordado pela imprensa, seguindo um manual desenvolvido pela OMS como forma de esclarecimento.

Ela ainda falou sobre a importância de pessoas com pensamentos suicidas procurarem ajuda também através do CVV.

– É uma ONG que já existe no Brasil há 55 anos e em Campina Grande há 15. É um trabalho feito por voluntários e profissionais. É um trabalho de acolhimento para pessoas que estejam passando por situações difíceis. Lá elas vão encontrar alguém que possa aconselhar. O Ministério da Saúde já nos reconheceu como serviço de utilidade pública e unificou o atendimento através do 188. No momento em que ligar, terá alguém que vai atender de qualquer parte do país – disse.

O atendimento acontece 24h por dia e também pode ser feito através da internet pelo site www.cvv.org.br.

*As informações são da Rádio Campina FM

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube