Fechar

Fechar

SMS-JP alerta mulheres para prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama

Da Redação com Secom/JP. Publicado em 30 de setembro de 2018 às 13:01.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), inicia nesta terça-feira (2) a Campanha Outubro Rosa, com intuito de conscientizar e alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção para o diagnóstico precoce do câncer de mama e câncer de colo do útero.

O evento de abertura acontece às 9h, no auditório do Centro Municipal Administrativo (CAM), na Rua Diógenes Chianca, nº 1777, em Água Fria.

A área técnica da Saúde da Mulher da SMS realiza ações de promoção à saúde e de prevenção ao câncer de mama ao longo de todo o ano, mas durante o mês de outubro as ações são intensificadas nas Unidades de Saúde da Família (USF), policlínicas municipais e hospitais da rede, que contam com o trabalho de mastologistas, como um alerta para as mulheres que ainda não procuraram o serviço.

“É um chamamento que fazemos para que as mulheres se cuidem e previnam-se contra o câncer. A mulher quando cuida de si, cuida também da família, pois em sua grande maioria, ela é a referência no lar”, disse Ana Giovana Medeiros, secretária-adjunta de saúde.

Como parte da Campanha, todos os distritos sanitários terão um ‘Dia D’, dedicado à promoção à saúde, com mobilização e chamamento das mulheres para a mobilização e cuidado.

Na programação preventiva, serão ofertados aferição de pressão arterial, atualização de cartão de vacinas, avaliação médica e encaminhamentos para serviços especializados, palestras, rodas de conversa e orientação para estímulo ao autoexame e à mamografia. A ação conta ainda com a oferta de auriculoterapia e serviços de beleza com manicure e profissional para manutenção de sobrancelhas.

Ainda como parte da programação de assistência preventiva, o Hospital Municipal Santa Isabel (HMSI) estará realizando agendamento com mastologistas, de forma espontânea durante todo o mês de outubro e novembro, ampliando o acesso e compromisso com as mulheres assistidas pela rede municipal.

Acesso aos serviços – A porta de entrada para assistência na atenção básica são as Unidades de Saúde da Família (USFs). Chegando ao local, a usuária passará por consulta médica ou avaliação com a enfermeira, que, ao verificar a necessidade do exame de mamografia, vai direcioná-la de forma regulada ou diretamente aos serviços conveniados que realizam o procedimento na Capital.

Desde o ano passado, o prefeito Luciano Cartaxo ampliou a faixa etária das mulheres que terão acesso aos exames de mamografia por rastreamento. A faixa passou de mulheres com 50 a 69 anos de idade para mulheres de 40 a 74 anos.

“Na rede municipal de saúde, caso o médico julgue necessário, com perspectiva para diagnóstico ou de rastreio, os exames podem ser solicitados a partir dos 35 anos de idade”, explicou Maria Hercília, diretora técnica de Regulação da PMJP.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

Atendimento espontâneo – O principal exame para diagnóstico do câncer de mama é a mamografia. Desde maio, com objetivo de melhorar o fluxo e ampliar o acesso aos serviços, a diretoria de Regulação da PMJP definiu que, após atendimento nas USFs, em posse do encaminhamento adequado (requisição de mamografia do MS), as mulheres podem optar entre fazer a marcação do exame por meio da unidade de saúde da família ou dirigir-se diretamente aos hospitais conveniados.

As unidades conveniadas são: Hospital Napoleão Laureano, Hospital São Vicente de Paula e Centro de Diagnóstico do Câncer (CDC), órgão da Secretaria de Estado da Saúde.

Para ter acesso ao exame diretamente nos serviços que acolhem as usuárias, é preciso ser munícipe de João Pessoa. “A medida para atendimentos espontâneos diminuiu a burocracia e garantiu a assistência nos serviços de forma mais rápida, com a possibilidade de um diagnóstico e tratamento mais dinâmico”, explicou a Ana Giovana.

“Nosso município também realiza mamografias para outros municípios da Paraíba No entanto, demanda espontânea aplica-se apenas para usuárias de João Pessoa. As usuárias dos municípios pactuados podem ter seus exames agendados através das secretarias de saúde de onde residem”, completou a secretária.

Oferta de exames – A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) conta com uma capacidade de oferta de 4,5 mil mamografias ao mês, destinadas às usuárias da rede pública.

De janeiro a julho foram realizados 10,6 mil procedimentos, considerando que há um absenteísmo de 40% em média, variando mês a mês. Em 2017, foram realizadas aproximadamente 20 mil mamografias de rastreio, com objetivo de garantir a assistência e detectar o câncer enquanto ainda muito pequeno, quando ele ainda não é palpável em um exame médico ou através do autoexame realizado pela paciente.

Programação dos ‘Dias D’ da Campanha Outubro Rosa nos distritos:

10.10 – USF Viver Bem – Padre Zé
19.10 – USF Quatro Estações – Mangabeira
24.10 – USF Saúde para Todos – Bairro dos Novais
26.10 – USF Integrando Vidas – João Paulo II
31.10 – USF Bessa – Bairro do Bessa

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube