Fechar

Fechar

Ricardo rebate Romero: “Eles quem tentaram celebrar a bandidagem”

Da Redação*. Publicado em 13 de setembro de 2018 às 9:53.

O governador Ricardo Coutinho (PSB) voltou a responder às declarações do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), que disse que vai processá-lo por difamação e calúnia, após o socialista ter dito que um dos presos do PB1 que fugiu na última segunda-feira, 10, estava lotado na prefeitura municipal da cidade.

Foto: Montagem/ Paraibaonline

Foto: Montagem/ Paraibaonline

Conforme Ricardo, quem deve explicações é Romero e o PSDB, “por tentarem celebrar a bandidagem”, citando não só o caso de ‘Romarinho’, que foi o motivo do ataque ao PB1, mas também da candidata a deputada estadual pelo partido tucano que foi presa com cargas roubadas.

– Quero dizer ao prefeito Romero o seguinte: esqueça os comunicadores e me processe. Estou esperando até hoje ser processado. Porque eu provo que o cidadão que foi o motivo de todo esse ataque ao PB1 trabalhava no gabinete dele e que ia a Brasília acompanhando o secretário Tovar. Tá no Sagres isso. Convivia, é claro que convivia. Ou tem alguma mentira nisso? Isso não quer dizer que, necessariamente, alguém tenha alguma coisa a ver com as atividades dele. Agora que trabalhava, ele trabalhava. E não só ele, é bom que se diga. A outra candidata do PSDB, a deputada estadual Jane, que foi presa com carga roubada e fuzil dentro de casa, é candidata do partido. E o partido não se pronunciou sobre isso. Carga roubada é crime organizado. Quem deve explicações são eles. Eles quem tentaram celebrar a bandidagem – respondeu.

*As declarações repercutiram na Rádio Correio FM, nesta quinta-feira, 13

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube