Quantcast

Fechar

logo

Fechar

Aesa confirma reativação do bombeamento da transposição, mas com quantidade reduzida

Da Redação. Publicado em 28 de setembro de 2018 às 16:44.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

O presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), João Fernandes, afirmou que o bombeamento das águas da transposição do rio São Francisco, para o eixo leste, foi reativado.

Segundo ele, as obras complementares nos municípios de Camalaú e Monteiro, Cariri do Estado, foram concluídas, mas a água vai demorar um pouco a chegar ao Açude de Boqueirão por conta da diminuição da vazão pelo Ministério da Integração.

– As águas do São Francisco voltaram a Monteiro e pude constatar que a galeria estava cheia. Hoje essa água está enchendo a barragem auxiliar, chamada São José, e tão logo começará a sangrar, descendo para o açude de Poções. Como a quantidade que está sendo liberada, conforme o Ministério, é de 1.200 metros por segundo, vai demorar um pouco para chegar ao ponto de saída de Poções, vai demorar mais ainda para chegar em Camalaú e aumentar o volume para o nível da água ir para Boqueirão – explanou.

Porém, João destacou que Campina Grande não depende hoje das águas da transposição e que o volume de Boqueirão dá para abastecer a cidade por dois anos.

As declarações repercutiram na Rádio Correio FM, nesta sexta-feira, 28.

Share this page to Telegram
Matérias Relacionadas

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube