Fechar

Fechar

Em posse no TSE, Rosa prega fortalecer instituições e promete firmeza

Da Redação. Publicado em 14 de agosto de 2018 às 23:23.

LETíCIA CASADO, GUSTAVO URIBE E REYNALDO TUROLLO JR.

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) – A ministra Rosa Weber, do STF (Supremo Tribunal Federal), tomou posse na noite desta terça-feira (14) como presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com discurso de que é preciso fortalecer as instituições e resgatar a respeitabilidade da política, hoje em descrédito.

“Neste momento, [há] indesejável desencanto e descrédito em nosso país da atividade política. Atividade política essencial à democracia e que urge ter sua respeitabilidade e importância resgatadas”, disse Rosa.

“A cidadania é incompatível com o livre trânsito entre o público e o privado, em detrimento do interesse público. Instituições fracas devem aguçar o ideal de torná-las fortes. As antíteses sempre estarão presentes, mas permanente deve ser a busca de sua superação.”

Foto: Agência Brasil

“Os desvios, as deficiências na educação e na cultura, a desigual distribuição da riqueza, a corrupção de agentes públicos e privados não podem obscurecer a ideia de um poder que emana do povo e em seu nome será exercido”, disse a ministra.

Caberá a ela comandar a corte nas eleições de outubro deste ano e presidir as sessões que discutirão o pedido de registro de candidatura do ex-presidente Lula, preso em Curitiba após ser condenado em segunda instância na Lava Jato.

“O resultado das eleições será determinado pela soberania popular. Cabe à Justiça Eleitoral assegurar a normalidade e a legitimidade das eleições, observados os meios que o regime jurídico constitucional impõe”, afirmou, sobre o papel do tribunal.

A cerimônia de posse não terá coquetel, como é praxe no TSE. Segundo auxiliares, a equipe de Rosa quis adequar o evento a seu perfil austero e discreto.

A ministra elogiou as transformações tecnológicas pelas quais passou a Justiça Eleitoral, afirmou que a eleição terá um sistema inédito de auditoria, que trará mais transparência, e destacou nunca ter havido registros graves de fraude nos 22 anos de uso da urna eletrônica.

Rosa encerrou o discurso prometendo ter firmeza. “Ao assumir a presidência deste TSE tenho três desejos esperanças e uma só uma certeza. O desejo esperança de que o Brasil saia revigorado destas eleições de 2018. O desejo esperança de que as instituições sejam fortalecidas. E o desejo esperança de que a soberania popular promova um avanço. A certeza que tenho é de que o TSE cumprirá a sua missão com firmeza”, concluiu.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube