Fechar

logo

Fechar

Governador cita Eclesiastes sobre cobrança do nome do vice de João Azevedo

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 13 de julho de 2018 às 15:47.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

“Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu”. Foi o que declarou, biblicamente, o governador Ricardo Coutinho (PSB) nesta sexta-feira, 13, ao ser indagado sobre quem estaria sendo sondado para compor a vice-governadoria na chapa majoritária do PSB ao lado do pré-candidato João Azevedo.

“Há tempo para semear e colher e o nosso tempo está se desenvolvendo, se desenrolando de acordo com as projeções que nós fizemos. Nós vamos ter uma chapa representativa politicamente, geograficamente e que possa dar à Paraíba a continuidade das mudanças que o Estado precisa, porque não se pode voltar à época em que ninguém via o dinheiro do povo”, disse.

Para o governador é preciso observar o que acontece hoje, na administração dele, “porque tudo o que tem sido feito é com o dinheiro do povo, do Estado, que investe e tem capacidade de devolver à população aquilo que é dado ao Estado através de impostos diretos e, principalmente, indireto”.

Ele explicou ainda que a lógica de formatar uma classe de dirigentes com as suas diferenças sem nenhuma problema requer muito diálogo, porque se não houver convergência se gera um problema.

“E é isso que nós estamos discutindo, preparando e João Azevedo vai ter companhias adequadas, corretas e nos próximos dias todos terão a ansiedade aplacada com o anúncio primeiro dos senadores e depois da vice-governadoria”, assegurou.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube