Fechar

Fechar

Deputado abre mão da ALPB para filho disputar vaga como deputado estadual

Da Redação. Publicado em 13 de julho de 2018 às 13:35.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

O deputado estadual pelo PSC, Arnaldo Monteiro, durante entrevista nessa sexta-feira, 13, à Rádio Campina FM, comentou sobre o seu partido ainda não ter tomado decisão a qual pré-candidato, pela oposição, seguir: Lucélio Cartaxo (PV) ou José Maranhão (MDB).

Para ele, o PSC deveria já ter se posicionado, mas é preciso aguardar a decisão da legenda, que espera a abertura de uma vaga em uma das chapas de oposição para o vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior, ao Senado.

– Há contatos do PSC nos dois grupos políticos e ainda estamos na decisão de qual grupo ir, pois temos que analisar as variáveis e tomar as decisões. Por mim, o partido se posicionaria logo. Perguntava qual dos dois pré-candidatos teria a vaga e o partido definiria – frisou.

Arnaldo está em seu terceiro mandato como deputado estadual e este ano não vai ser candidato, pois vai deixar o espaço para o filho, o ex-prefeito da cidade de Esperança, Anderson Monteiro.

De acordo com o deputado, uma das razões pelas quais vai abdicar da Assembleia é querer voltar a ser prefeito da cidade de Esperança em 2020.

Foto: Paraibaonline

Ainda na entrevista, o pré-candidato, Anderson Monteiro, se pronunciou e falou sobre as dobradinhas que estão sendo articuladas. Ele acredita ter o apoio em mais de 20 cidades paraibanas para sua candidatura.

Na cidade de Esperança, o pré-candidato está apoiando o presidente da ALPB, Gervásio Maia (PSB) para deputado federal, a qual o pai faz oposição na Assembleia.

– Agradecemos demais quando uma liderança local vem nos dar confiança e apoio a nosso nome e, dependendo das cidades, são diversas dobradinhas que fazemos. Em Esperança, vamos apoiar o pré-candidato a deputado federal, Gervásio Maia. Poderiam me perguntar, ‘mas são grupos opositores’, mas eu não acredito em maniqueísmo político, onde um lado é bom e o outro ruim. A questão é que a política está complexa, o que o diga esse momento que vivemos. Temos a felicidade de, apesar de militarmos em lados diferentes com relação ao governo do Estado, estamos do lado dele porque temos uma boa relação de amizade com Gervásio e temos que ter a política atemporal, que não é novo nem velho, mas que se tenha a palavra empenhada, a honestidade, a confiança e é algo que vemos nele – disse o pré-candidato.

Informações da Rádio Campina FM

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube