Fechar

Fechar

Filho é preso acusado de articular assalto que matou pai em posto de João Pessoa

Da Redação. Publicado em 2 de junho de 2018 às 10:04.

Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Na semana passada, Severino de Maciel Ramos, gerente de um posto de combustível no Bairro de Manaíra, na capital, foi vítima de uma tentativa de assalto e acabou entrando em um embate que resultou na morte do mesmo.

Na ocasião, o gerente estava de folga mas foi ao posto apenas para fechar o caixa e sofreu uma abordagem que culminou em uma reação onde os assaltantes atiraram no peito dele. Severino morreu antes mesmo de receber atendimento médico.

Na noite dessa última sexta-feira (01), no Bairro Treze de Maio, em João Pessoa, o filho da vítima, chamado Erik, foi apreendido durante a missa de sétimo dia da morte do pai sob suspeita de ter sido mentor do crime que o levou a óbito.

O crime foi praticado por Eri Johnson, que foi preso rapidamente e sofreu agressões por parte da população na ocasião, e por Anderson Morais que foi apreendido alguns dias depois.

O delegado Vagner Dota, da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio, informou que os apreendidos relataram envolvimento de Erik além de outros dados apontarem também a participação do mesmo.

Após ser preso, Erik foi encaminhado para a Central de Polícia de João Pessoa, no bairro do Geisel, e confessou a participação no crime. Ele afirmou que possuía uma dívida de $1.000,00 (mil reais) e estaria sido pressionado. O acusado foi preso anteriormente por ter sido pego portando cocaína.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube