Fechar

Fechar

Economistas comentam preços da Petrobras sobre os combustíveis

Da Redação. Publicado em 7 de junho de 2018 às 19:31.

Foto: Ilustrativa

Os economistas campinenses, Antônio Pereira Babosa e Arlindo Almeida, comentaram, durante entrevista à Rádio Campina FM, sobre a política de preços praticadas pela Petrobras para reajustar diariamente os combustíveis.

Antônio Pereira comentou que a Petrobras pratica uma política neoliberal que existe no mercado internacional, onde as decisões lá determinam as decisões internas nacionais.

– A Petrobrás tem um capital formado 100% pelo brasileiro e todos os investimentos foram dos trabalhadores. Temos 100% da capacidade de produção e mesmo assim não estamos tendo o comando da Petrobras, porque o comando está vindo de fora e de interesses diferentes, do setor privado e interacional. Estamos dentro de um processo cada vez mais dessa política neoliberal – disse.

O economista comentou ainda que, o que poderia ser feito para mudar esse cenário vivenciado atualmente no país, seria baixar os custos praticados dentro da economia do Brasil, fazendo com que a Petrobras estivesse para os brasileiros e para sua economia, e não para a política internacional que está determinando o que o país deve fazer.

O economista, Arlindo Almeida, também compartilha da mesma opinião e complementou dizendo que o atual governo é desorganizado e desarticulado, e que essa variação diária de preço é absurda e que falta planejamento.

– O petróleo não pode acompanhar essa variação do mercado e é preciso ter estratégia para que os reajustes sejam feitos por períodos mais longos, para dar tempo da população se programar – comentou.

Informações da Rádio Campina FM

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube