Fechar

Fechar

Acusado de planejar morte do pai em posto de combustível já está no Roger em JP

Da Redação. Publicado em 2 de junho de 2018.

Foto: Reprodução/ TV Cabo Branco

Foto: Reprodução/ TV Cabo Branco

O filho do gerente de um posto de combustível, assassinado no último sábado, 26, no bairro de Manaíra em João Pessoa, está sendo acusado de ter arquitetado o crime.

Erick Ramon, 24 anos, foi preso na noite dessa sexta-feira, 01, quando chegava para a participar da missa de sétimo dia da morte do pai. Segundo o delegado de Polícia Civil, Wagner Dorta, o jovem foi acusado pelo segundo criminoso preso esta semana, Anderson ‘Pompom’ de ter planejado o assassinado.

Para a Polícia, Erick teria confessado que informou o local e o horário que o pai chegaria. Ele ainda disse que o pai reagiria ao assalto.

– De forma hedionda ele arquitetou o assalto. O pai reagiu, como ele previu, e acabou sendo assassinado – disse o delegado.

Dorta ainda disse que a justificativa de Erick para planejar o assalto, foi pelo fato dele estar devendo mil reais a um traficante e que não teria o dinheiro para pagar. A polícia não acredita na versão e diz que o jovem planejou o latrocínio.

Na manhã de hoje, Eric foi ouvido em uma audiência de Custódia e seguiu direto para o presídio do Róger, em João Pessoa, onde deve cumprir prisão preventiva de 30 dias.

*Com informações da TV Cabo Branco

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube