Fechar

Fechar

Coluna de Jurani Clementino: O cego que “assistia” televisão

Da Redação. Publicado em 8 de maio de 2018 às 11:33.

Quando eu era menino e vivia perambulando pelas estradas e sítios vizinhos atrás de uma televisão ligada (para entreter uma “boca de noite” ou ajudar a matar o tédio de um fim de semana) conheci um cidadão, completamente cego, que assistia TV diariamente. Guardo boas recordações dele até hoje. Por vários motivos. Posso assegurar que dos donos de aparelho de TV que conheci, foi o que melhor nos recebeu em sua casa. Tanto ele, quanto sua esposa, dona Francisca.

Trata-se de seu Zé Velho, hoje falecido, morou a vida toda às margens da Lagoa de Dentro, no sítio que recebeu o mesmo nome. Sua casa era ampla, possuía um alpendre e uma grande sala de estar onde ficava, num dos cantos de parede, a sua TV colorida, catorze polegadas, conectada a uma antena parabólica.

CONTINUE LENDO AQUI

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube