...

Campina Grande - PB

Projeto deverá instituir Plano Estratégico de Desenvolvimento como Lei em CG

09/04/2018 às 22:45

Fonte: Da Redação com Ascom

Foto: Ascom

Representantes do Comitê Gestor do Plano Estratégico de Desenvolvimento Campina Grande 2035 participaram na manhã desta segunda-feira (9), de uma Audiência Pública na Câmara Municipal para apresentação do Projeto de Lei que institui o PED/CG.

A propositura da mesa diretora da Câmara Municipal quer tornar o plano um projeto de lei para que, independente de quem esteja na gestão executiva da cidade, as metas possam ser cumpridas de acordo com o planejamento já traçado. O procurador jurídico da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (FIEP), André Ribeiro, reforçou este pleito.

“O projeto vem sendo concebido tecnicamente e com muita clareza em suas metas. Ao longo dos próximos 20 anos, o Plano poderá passar por ajustes e implementações, caso necessário, desde que seja isento de intervenções políticas partidárias e possa ser executado em sua essência visando o bem comum e o desenvolvimento sustentável da nossa cidade”, defendeu André Ribeiro na tribuna da CMCG.

Renato Castro Lago, diretor da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (FIEP) e presidente do Comitê Gestor do Plano Estratégico de Desenvolvimento Campina Grande 2035, fez um breve histórico da iniciativa que surgiu de um encontro entre o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, e o presidente da FIEP, Francisco Gadelha. Ele disse que a intenção é que a cidade tenha um plano compartilhado por entidades representantes da sociedade civil e possa atender três pilares de suma importância para o desenvolvimento: prosperidade, qualidade de vida e governo eficiente.

Renato Lago lembrou que poucas cidades do porte de Campina Grande tem um plano estratégico de desenvolvimento sustentável. “Estamos olhando o presente e projetando o futuro porque precisamos ser protagonistas e não reféns do futuro”, completou Renato.

O secretário de Planejamento e Obras de Campina Grande, André Agra, também defendeu a instituição do Plano como projeto de lei destacando, inclusive, que a participação de vereadores no comitê gestor iria contribuir para a fiscalização e monitoramento no cumprimento das metas traçados pelo plano.

Durante a Audiência foi feita a apresentação do Projeto de Lei Nº 213/2017 que fixará o Plano como Lei Municipal, e dará ao Comitê Gestor do Plano, status de Conselho Municipal, com a participação de diversas entidades da sociedade civil organizada, fazendo com que o Plano possa ser acompanhado através de um instrumento de governança social.

Uma nova audiência está programada para o dia 17 de abril, às 10h, também na Câmara Municipal, oportunidade em que o Plano Estratégico novamente discutido em sua essência com os vereadores.

Foto: Ascom

Como surgiu o PED – No mês de março de 2017, o presidente da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba – FIEP, Francisco de Assis Benevides Gadelha, entregou o Plano para o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, e para a presidente da Câmara Municipal, Ivonete Ludgério. A elaboração do Plano Estratégico de Desenvolvimento – Campina Grande 2035 aconteceu sob a coordenação da FIEP. O documento foi elaborado em três etapas, com projeções de metas e ações de curto, médio e longo prazo.

A ideia é que o documento norteie o desenvolvimento, sendo um guia referencial para ações nas áreas social, econômica, educação, saúde, infraestrutura, urbanismo, mobilidade urbana, qualidade de vida e desenvolvimento. A construção do Plano foi baseada em pesquisas e análises que embasaram o mapeamento e a agenda estratégica das ações e metas a serem cumpridas nos próximos 20 anos, atendendo as necessidades de Campina Grande e das cidades do entorno (Massaranduba, Lagoa Seca, Fagundes, Boa Vista e Queimadas).

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons