Fechar

logo

Fechar

Governador se irrita e não explica lei sobre guarda pessoal

Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba). Publicado em 4 de abril de 2018 às 15:21.

Em entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira (04) por ocasião da apresentação do Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, em Santa Rita, que será inaugurado às 17 horas, o governador Ricardo Coutinho (PSB), se mostrou irritado com perguntas da imprensa sobre a lei de nº 11.097/ 2018, sancionada por ele,  que trata da guarda pessoal de ex-governadores do Estado.

O ato gerou muitas críticas e polêmicas no meio político, mas o governador se recusou a falar sobre o assunto e disse que como gestor e entrevistado tinha o direito de direcionar a pauta e não iria falar nada que não se referisse ao setor de saúde.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

“Hoje eu sou o governador com a alegria enorme de inaugurar o maior hospital que a Paraíba já fez e o melhor hospital de cardiologia e neurologia do Nordeste. Portanto, essa é a pauta e quem determina a pauta de uma entrevista é exatamente o entrevistado. Eu sou o entrevistado e eu sou o governador”, encerrou o gestor a entrevista.

O Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires é considerado o maior equipamento hospitalar público do Nordeste em sua especialização e representa um investimento de mais de R$ 150 milhões, sendo 85% de recursos próprios do Governo do Estado.

O atendimento na unidade será referenciado (encaminhado pelos municípios) beneficiando a população dos 223 municípios da Paraíba.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube