Fechar

Fechar

Presidente do PPS desmente ida de ‘tucano’ para partido da base de Ricardo

Da Redação. Publicado em 13 de março de 2018 às 17:24.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O presidente estadual do PPS, Nonato Bandeira, desmentiu que o deputado federal, Pedro Cunha Lima (PSDB), estivesse de malas prontas para mudar para o partido, que atualmente é aliado ao grupo do governador Ricardo Coutinho (PSB).

Bandeira disse que sequer foi comunicado sobre o caso e classificou essa possibilidade como ‘burburinho e especulação’

– A política não tem regras fixas. A cada processo eleitoral têm essas mudanças e agora há essa janela partidária. Até 7 de abril vai haver esse troca-troca de partidos, que prejudica ainda mais a imagem dos políticos. Não fomos nem comunicados e nem houve ligação. A direção nacional está ignorando esse assunto e também por Pedro Cunha Lima. Ele sabe a história do PPS e sabe quem o partido está seguindo, então eu não creio exatamente de que ele viria para o partido pelas diretrizes da legenda – desmentiu.

Na ocasião da entrevista concedida à Rádio Campina FM, Nonato ainda disse que pretende se coligar com pelo menos seis legendas do tamanho do PPS para eleger pelo menos cinco deputados estaduais pela coligação.

Questionado sobre a possibilidade de o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, voltar o apoio a Ricardo Coutinho, Nonato preferiu não opinar e nem dar ‘pitaco’, pois, segundo ele, por causa disso, a oposição desmoronou.

– Eu aprendi desde cedo que sempre que tem um processo eleitoral e são designados os comandos da campanha e isso deve ser definido por João Azevedo e Ricardo Coutinho, porque senão vai ficar muita gente dando pitaco e opinião. Olha no que deu a oposição com tanta gente dando pitaco, desmoronou. Quando muita gente mexe numa só panela, dessa não sai coisa boa – disse.

*Informações da Rádio Campina FM

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube