Fechar

Fechar

Para deputado, desistência de Cartaxo facilita entendimentos na Oposição

Da Redação. Publicado em 6 de março de 2018 às 20:14.

Foto: Paraibaonline

O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) afirmou que a decisão do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), pegou todos de surpresa e voltou a defender o nome do prefeito Romero Rodrigues (PSDB) como o candidato das oposições.

Ele frisou que a desistência de Cartaxo facilitou a unidade das oposições em trono de um só projeto.

– Por um lado facilitou, pois você tinha três pré-candidaturas e agora você tem duas, que é a do prefeito Romero e a do senador Maranhão. Então se deu um passo à frente do que tem sido um mantra, que é preservar a unidade das posições em torno de um projeto de governo. Vou defender o nome do PSDB, que tem um nome fortíssimo, que é o do prefeito Romero, e tem o do senador Maranhão pelo MDB. Então, longe de ter desmontado a candidatura das oposições – explanou.

Pedro destacou que não vê a desistência de Cartaxo como um afastamento do grupo da oposição.

– Não vejo dessa maneira. Foi uma decisão política. Insatisfação com alguma condução nossa, do PSDB, não muda a condição política dele [Cartaxo] como no que aconteceu com a gestão do governador Ricardo, por exemplo. O que faz você mudar de lado, em relação ao governo e oposição, seria uma mudança na condução do atual governo, aí sim. Mas, você dizer que mudar por uma implicação eleitoral acho uma justificativa muito frágil, por isso que continuo enxergando que o prefeito Luciano estará nas oposições – referendou.

O parlamentar ainda disse que não trabalha com a hipótese do senador Cássio Cunha Lima ser o nome das oposições, até porque isso enfraquece a pré-candidatura de Romero Rodrigues.

– Não consigo ver essa hipótese, até porque enfraquece a real candidatura que é a de Romero. A demora não foi algo que facilitou o processo, mas é algo compreensível. É um orgulho defender o nome de Romero. Por parte do PSDB, sempre compreendemos que, até então, o nome de Luciano era legítimo e estávamos sempre argumentando em torno da unidade, mas também defendendo o nosso quadro. Respeito e compreendo a decisão do prefeito Luciano, que talvez, se eu tivesse no lugar dele, eu também tomaria. Mas, não é esse conselho que eu dou a Romero, o conselho que dou a Romero é o inverso – ponderou.

As declarações repercutiram na Rádio Correio FM, nesta terça-feira, 06.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube