Fechar

Fechar

EUA dizem que Trump não se reunirá com Kim sem atos concretos da Coreia do Norte

Agência Brasil. Publicado em 10 de março de 2018 às 10:23.

fotos: Michael Reynolds/EPA/Agência EFE/Arquivo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não se reunirá com o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, sem que veja “ações concretas” e “verificáveis” do país asiático em relação ao processo de desnuclearização, afirmou nesta sexta-feira (9) a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders. A informação é da EFE.

“Não haverá reunião sem antes serem vistos passos concretos e ações concretas da Coreia do Norte”, disse Sanders em sua entrevista coletiva diária. Ela não quis confirmar data ou logal para a reunião entre Trump e Kim. O encontro, que pode ocorrer antes de maio, foi anunciado ontem pelo governo da Coreia do Sul.

“O presidente aceitou esse convite para falar sobre passos concretos e verificáveis”, destacou a porta-voz, que não quis citar que ações os EUA esperam da Coreia do Norte, mas afirmou que Pyongyang prometeu desnuclearizar a península coreana e interromper os testes atômicos.

“Máxima pressão”   

Além disso, Sanders afirmou que Washington e Seul manterão os exercícios militares questionados pelo governo norte-coreano. Ela argumentou que o convite de Kim é o resultado da estratégia de “máxima pressão” feita por Trump, descrevendo o presidente americano como o “melhor negociador de acordos”. Por esse motivo, Trump estaria otimista sobre o possível encontro.

“O presidente está de muito bom humor”, afirmou Sanders sobre Donald Trump, que hoje conversou por telefone sobre a Coreia do Norte com o presidente da China, Xi Jinping. Caso ocorra, a reunião entre Trump e Kim será o primeiro encontro entre os líderes dos dois países.

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube