Fechar

Fechar

Conhecendo mais sobre o Cooperativismo

Ascom. Publicado em 2 de março de 2018 às 11:36.

O cooperativismo é para todos perfis, pessoa física e jurídica de qualquer atividade.

A formação de uma cooperativa parte da necessidade de um grupo de pessoas, que quer atuar de forma conjunta. São empreendedores, produtores rurais, jovens, homens e mulheres que escolhem o modelo coletivo e sustentável para suas vidas.

O cooperativismo é adotado em diversas atividades econômicas – ligadas principalmente a relações de consumo, produção ou de prestação de serviços – nos segmentos crédito, saúde, educação, habitacional, entre outros.

Segundo dados da Aliança Cooperativa Internacional (ACI), mais de 1 bilhão de pessoas no mundo estão ligadas ao cooperativismo, direta ou indiretamente, e 250 milhões de empregos são gerados pelas cooperativas e seus processos ao redor do mundo.

No Brasil, a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) registrou, em 2016, 6,6 mil cooperativas atuantes em 13 ramos diferentes: agropecuário, consumo, crédito, educacional, especial, habitacional, infraestrutura, mineral, produção, saúde, trabalho, transporte e turismo e lazer. O número de associados chegou a 13,2 milhões de pessoas e 378,2 mil empregos diretos. (Os dados de 2017 ainda não foram divulgados)

Cooperativismo de crédito

Dos 13 ramos do modelo de negócio, crédito destaca-se no cenário nacional pelo crescimento gradativo do número de associados, de ativos e rede de atendimento. Segundo a OCB, a partir de dados do Banco Central, o segmento fechou 2016 com 1.033 cooperativas, mais de 9 milhões de associados e cerca de 48,4 mil empregados.

Além da participação e retorno financeiro compartilhado, as cooperativas de crédito proporcionam o desenvolvimento local.

A instituição financeira cooperativa tem como diferencial um modelo de gestão que valoriza a participação. Os associados decidem sobre os rumos da sua cooperativa e participam dos resultados. Além disso, as cooperativas desenvolvem soluções de acordo com as necessidades dos associados. Como um importante instrumento de incentivo para o desenvolvimento econômico e social, os ativos dessas instituições são usados financiar os próprios associados, mantendo os recursos nas regiões nas quais foram gerados. Além disso, um intenso trabalho de inclusão aliado à educação financeira é promovido pelas instituições.

As cooperativas de crédito são formadas pela associação autônoma de pessoas, unidas voluntariamente, para prestar serviços financeiros a seus associados. Elas integram o Sistema Financeiro Nacional e são regulamentadas pelo Conselho Monetário Nacional, com a supervisão do Banco Central. Atuar numa cooperativa de crédito é muito mais do que um trabalho, pois o colaborador sabe que faz parte de um empreendimento com um modelo diferente, moderno e sustentável.

Participam naturalmente da vida dos associados com um círculo virtuoso. As cooperativas promovem a educação, o empreendedorismo, agregam renda, geram oportunidades de negócio e contribuem para o desenvolvimento da região. No Sicredi, os resultados são reinvestidos na própria região de atuação, fomentando assim novos negócios e novos investimentos.

Sicredi Centro Paraibana

Rua Pedro II – 424 – Prata – Campina Grande – PB

Fone: (83) 2101-5000

(Informe publicitário)

Matérias Relacionadas
Simple Share Buttons

2018 - Paraiba Online - Todos os direitos reservados.

BeeCube