...

Campina Grande - PB

Cássio diz que governador persegue Campina Grande em retaliação a Romero Rodrigues

30/01/2018 às 15:05

Fonte: Da Redação

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) afirmou que o pré-candidato do governador Ricardo Coutinho (PSB), João Azevedo, usou de “provocação tola” ao citar que a oposição precisa tomar ‘maracugina’ [remédio calmante].

Ele destacou que esse tipo de declaração não resolve nada e que é preciso focar nos reais problemas do Estado.

Cássio avaliou que o governo de Ricardo está chegando ao fim sem trazer crescimento efetivo para a Paraíba, em especial nas áreas de Segurança, Educação e Saúde.

Ele ainda mencionou que Campina  vive hoje um caos na Segurança Pública e citou como exemplo o assalto à agência bancária situada dentro da Universidade Federal de Campina Grande, nessa segunda-feira (29).

O senador tucano salientou que o governo Ricardo Coutinho, durante todos os anos, não fechou nenhuma parceria com a Prefeitura de Campina Grande, caracterizando a atitude como perseguição contra à cidade e retaliação direcionada ao prefeito Romero Rodrigues (PSDB).

– Ricardo Coutinho chega ao final do governo sem conseguir trazer melhorias para a Saúde, para a Segurança e Educação. O desemprego continua em aumento e a Segurança Pública é um problema real gravíssimo, sobretudo em Campina Grande. A situação está absolutamente fora de controle. Nesses anos todos o governo do Estado não fez uma única parceria com a Prefeitura de Campina Grande – colocou.

As informações foram concedidas à Rádio Arapuan FM.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons