...

Campina Grande - PB

STTP reivindica presença da Polícia Militar no Terminal de Integração

13/09/2017 às 11:45

Fonte: Da Redação

O superintendente da STTP, Félix Araújo Neto, comentou sobre o estudo acerca da violência praticada dentro dos transportes coletivos e do Terminal de Integração de Campina Grande e disse que os números são alarmantes.

Ele afirmou que o estudo apontou que a maioria das abordagens são feitas com armas de fogo e ressaltou a importância das vítimas denunciarem os roubos que sofrem dentro dos ônibus na cidade.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Segundo Félix, geralmente as abordagens são feitas por duas pessoas e a busca maior é por dinheiro em espécie. Ele orientou para que a população evite levar dinheiro para dentro do transporte coletivo e destacou que a compra do vale transporte pode facilitar a vida dos passageiros que pagam passagem em dinheiro.

A pesquisa apontou os bairros onde as abordagens dentro dos transportes coletivos ocorrem com maior frequência: José Pinheiro, Jardim Paulistano, Bodocongó, Monte Santo, Santa Cruz, Distrito Industrial, Liberdade, Cuités, Distrito dos Mecânicos e Quarenta.

Félix afirmou que a população tem reivindicado bastante a presença da Polícia Militar com ações específicas, especialmente no Terminal de Integração. Disse ainda que o trabalho realizado no São João pela Polícia, em conjunto com a Guarda Militar, foi exitoso e trouxe a segurança para dentro do local.

– É um apelo não só da STTP, mas é o que estamos vendo que a população está dizendo. A Guarda Municipal tem isso e não tem sido suficiente e, se tivéssemos a Polícia Militar junto, teríamos segurança – disse.

As informações foram concedidas em entrevista à Rádio Caturité AM.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons