...

Campina Grande - PB

Fundação Cidade Viva lança novo livro com pesquisa sobre igrejas cristãs no Brasil

16/09/2017 às 12:20

Fonte: Da Redação com Ascom

fotos: ascom

Após o sucesso de “Gloriosas Ruínas”, no ano passado, livro que ficou entre os sete mais vendidos do país, segundo a publicação da revista Veja, o presidente da Fundação Cidade Viva, Sérgio Queiroz, lança, agora, a segunda obra pela Editora Mundo Cristão: “Igrejas que transformam o Brasil – sinais de um movimento revolucionário e inspirador”, em co-autoria com Ed Stetzer, um dos missiólogos norte-americanos mais respeitados da contemporaneidade.

O novo livro do paraibano Sérgio Queiroz detalha uma pesquisa ainda inédita no Brasil: quais são as igrejas cristãs que estão fazendo a diferença em nosso país.

A obra é fruto de uma cuidadosa compilação do trabalho realizado durante cinco anos por dezenas de pessoas e revisado por uma equipe de pesquisa, abrangendo inicialmente cerca de 1.500 igrejas de diferentes tamanhos e denominações cristãs do país, mas que centrou o estudo em 50 delas. O trabalho oferece uma contribuição decisiva e histórica para avaliar o crescimento qualitativo e expressivo do movimento evangélico no Brasil.

“Igrejas que transformam o Brasil é fruto de uma longa pesquisa e de um recorte ainda inédito no Brasil, pois pesquisou centenas de comunidades cristãs para buscar os sinais de saúde em um tempo complexo e que no qual a igreja não parece fazer tanta diferença no cenário de transformação do Brasil. O livro aborda tanto igrejas pequenas como grandes e o que elas estão fazendo para mudar os seus contextos. A pesquisa com 50 delas quis saber especificamente: quais são os princípios de igrejas transformacionais? Se essas comunidades existem? E se são relevantes no meio desse caos que vivemos? Outra busca foi saber ainda se podemos continuar crendo se essas igrejas funcionam como agente de transformação em seus contextos?  E os resultados da pesquisa mostram que sim”, resume Sérgio Queiroz, que é também pastor titular da igreja Cidade Viva.

Mensagem do livro

Segundo o autor, o livro busca revalar sinais para além das aparências das igrejas e funciona como “um antídoto contra os modismos teológicos que enfatizam tão somente o crescimento numérico de membros sem oferecer o evangelho que transforma indivíduos e sua comunidade.

As igrejas que transformam o Brasil trazem alguns sinais: culturalmente sensíveis enquanto se mantêm biblicamente saudáveis, que tem pouca distância do poder entre lideranças e os demais membros, valoriza o sacerdócio de cada cristão, não tem receio de enfrentar desafios e são igrejas que entendem a importância dos relacionamentos intencionais como veículo de desenvolvimento pessoal e da comunidade; que investem em relacionamentos, que têm profunda dependência em oração, buscam envolvimento com a obra missionária (localmente e globalmente); analisam o cenário pela ótica do serviço, do amor, da sensibilidade às questões culturais, enfim, são igrejas que não abraçam o erro da cultura que elas estão inseridas, mas que entendem a diversidade cultural como sinal do Reino”.

Pré-lançamento em João Pessoa 

O livro “Igrejas que transformam o Brasil” teve pré-lançamento no Centro de Convenções Cidade Viva, em João Pessoa, no final do mês de agosto, cidade natal do autor. A Editora Mundo Cristão prepara até o mês de outubro diversos lançamentos em outras capitais e cidades do país, quando a obra vai estar disponibilizada em todas as livrarias do país.

Contudo, o livro já está disponível nas livrarias de João Pessoa como a Leitura, a Saraiva e na Sementes, que fica no Centro de Convenções da Cidade Viva, mas também pode ser encontrado na internet das livrarias amazon.com.br e da saraiva.com.br.

Comentários sobre o livro

– Alguns líderes nacionais e também internacionais de entidades fizerem questão de comentar a importância do livro para o contexto brasileiro, apontando como uma reflexão quase obrigatória para líderes de igreja, mas também para todos os cristãos que buscam igrejas bíblicas, saudáveis e relevantes em seu tempo. “Sérgio Queiroz e Ed Stetzer nos dão uma visão convincente do que seja uma igreja que afeta profundamente o mundo ao seu redor”, comentou o presidente da Fundação Atos 29, Matt Chandler.

“É leitura obrigatória para todos os líderes”, acrescenta Ebénezer Bittecourt, Diretor Executivo do Instituto Haggai do Brasil. O pastor e conferencista Hernandes Dias Lopes foca seu elogio na “pesquisa robusta, histórica, científica e Assaz oportuna, que lançará luz sobre muitos aspectos da prática pastoral e da dinâmica da igreja”, enquanto o fundador e professor da Faculdade Teológica Sul Americana, Jorge Henrique Barro, frisa a leitura gratificante e a seriedade do trabalho: “é fruto de muita pesquisa bíblica e bibliográfica e de investigação de campo”.

Para o diretor de Operações da Editora Mundo Cristão, Renato Fleischman, “o livro é relevante porque está sendo lançado no momento em que a igreja evangélica passa por um grande questionamento.  Nos últimos 30 anos, houve uma forte expansão de novas igrejas no Brasil, mas o reflexo desse crescimento na sociedade brasileira tem sido frequentemente questionado. Muitas vezes ela acaba sendo atrelada a escândalos e a situações constrangedoras, porém, este livro traz um grande sinal de esperança.

Há muitas igrejas espalhadas pelo Brasil que estão fazendo a diferença e sendo relevantes onde estão sendo inseridas, ou seja, que se abrem e interagem com a comunidade. A editora Mundo Cristão tem compromisso com a igreja evangélica brasileira sobretudo ao dar voz ao que buscam igrejas mais relevantes. Espero que essa obra sirva para repensar o próprio caminhar da igreja evangélica, de torná-la mais saudável e influente na sociedade, sinalizando o Reino de Deus de forma mais efetiva.

O livro é um momento de reflexão e de inspiração para outras igrejas, por isso defendemos que as obras que o pastor Sérgio Queiroz precisam ser mais conhecidas nacionalmente”, declarou.

Quem é Sérgio Queiroz 

Sérgio Queiroz é procurador da Fazenda Nacional em João Pessoa, presidente da Fundação Cidade Viva e Diretor-Geral da Faculdade Internacional Cidade Viva. Autor de “Gloriosas Ruínas” e, agora, “Igrejas que Transformam o Brasil”, publicadas pela Mundo Cristão. Em sua formação, Sérgio Queiroz tem bacharelado em Teologia (FTSA), Engenharia Civil e Direito pela UFPB.

É mestre em Filosofia pela mesma Universidade e de Teologia (Betel Brasileiro), doutor em Ministério pela Trinity Evangelical Divinity School em Chicago (EUA), além de graduado Internacional pelo Instituto Haggai em Cingapura. É casado com Samara Queiroz e pai de Sérgio Augusto, Esther e Débora.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons