...

Campina Grande - PB

Prefeitura promove ceia pascal para moradores de rua em Campina Grande

15/04/2017 às 13:05

Fonte: Da Redação com Codecom/CG

fotos: Codecom/CG

A Secretaria de Assistência Social – Semas, realizou nesta sexta feira, 14, uma ceia pascal para moradores de ruas e pessoas em situação de rua de Campina Grande.

A secretária Eva Gouveia, que participou ativamente da organização do evento, destacou a orientação do prefeito Romero Rodrigues para ampliar as políticas públicas sob uma perspectiva cada vez mais humana e solidária.

A ação foi realizada na Praça da Bandeira, no centro da cidade. A noite reuniu voluntários de vários seguimentos da sociedade, bem como a fraternidade Irmãos de Francisco.

Cerca de 90 pessoas, entre homens e mulheres que estão em situação de rua, moradores de rua e vulnerabilidade social tiveram a chance de vivenciar a partilha e doação do que representa a Semana Santa. Foram doados sandálias e cobertores para assim minimizar a carência e a péssima situação vivenciada por eles.

A Secretaria de Assistência Social disponibiliza da Unidade Irmã Zuleide Porto, onde abriga pessoas m situação de rua e vulnerabilidade social, além do Centro de Referência Especializada em População em Situação de Rua – Centro POP, onde os clientes são atendidos por uma equipe técnica composta por assistente social, advogado, pedagogo e psicólogo.

Eles são encaminhados aos atendimentos necessários como retirada de 2ª via de documentos, ao SUS e até o reingresso no mercado de trabalho. Muitas vezes o fortalecimento aos vínculos familiares, uma vez rompidos.

De acordo com o coordenador do Centro POP e Unidade Irmã Zuleide Porto, Gesner José, o evento promovido pela SEMAS não se limitou apenas uma refeição digna e objetos doados. “Hoje estamos celebrando e vivendo um momento muito significativo que é a Sexta-feira santa. A prefeitura está tendo esse olhar juntamente com algumas pastorais e voluntários, isto é a vida sendo valorizada acima de tudo” afirmou Gesner.

O morador de rua José da Silva, 33, usuário de substâncias psicoativas há cerca de quatro anos, a semana santa é sempre um momento de confraternizar e comungar com a família.

Para o coordenador da Fraternidade Irmãos de Francisco Ramos Torres, a SEMAS inovou em Campina Grande em fazer ações sociais em datas tão importantes. “A fé sem obras é morta”, lembra Torres.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons