...

Campina Grande - PB

Prefeitura de João Pessoa perde R$ 180 mi em recursos destinados à Mobilidade Urbana

Governo quer economizar R$ 17 bi com auxílios-doença - image data on https://paraibaonline.com.br19/06/2016 às 17:09

Fonte: Ascom

De acordo com dados do IBGE, em 2015, a frota de automóveis em João Pessoa alcançou a marca de 189.677 veículos. Segundo o professor Charliton Machado, pré-candidato do PT a prefeito de João Pessoa, faltou responsabilidade da Prefeitura de João Pessoa quando a assunto é Mobilidade Urbana.

“Não precisa ser especialista para perceber que cada vez mais aumento o número de automóveis circulando na cidade, e com isso crescem os engarrafamentos, que prejudicam tanto as pessoas que usam carros particulares quanto os usuários dos transportes públicos”, disse.

No caso do transporte público coletivo, o professor lembrou que a população sofre com um serviço de baixa qualidade:

“Temos uma frota pequena, que cobra caro, e que não atende as pessoas como deveria. Existem veículos em péssimo estado de conservação, e são nesses ônibus que trabalhadoras e trabalhadores andam todos os dias”.

Foto: Reprodução/ Internet

Foto: Reprodução/ Internet

Charliton Machado denunciou que a Prefeitura negligenciou recursos que já estavam reservados para os serviços de Mobilidade Urbana na Capital.

“João Pessoa perdeu um total de R$ 180 milhões, que voltaram para os cofres do Governo Federal por falta de projeto da gestão municipal. Isso para mim isso só tem um nome: Irresponsabilidade. Esses eram investimentos para a implantação do BRT, para a construção de ciclovias e terminais de integração com uma estrutura adequada para atender a população”, criticou.

Ele ainda acrescentou que, “por causa dessa irresponsabilidade, a Prefeitura tenta, com paliativos, resolver os problemas de Mobilidade da cidade fazendo alterações nas vias que tornam o trânsito ainda mais caótico”: “São falsas soluções para justificar a falta de compromisso com a cidade. Os ciclistas continuam se aventurando nas principais avenidas e ruas de João Pessoa, disputando espaço com carros, ônibus e caminhões, os usuários do transporte público tendo um serviço sem qualidade, e os pedestres optando  por andar nas ruas por causa das condições das calçadas da cidade”.

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons