...

Campina Grande - PB

Com Luiz Gonzaga no repertório, Clube Choro faz “Sabadinho Bom junino”

Comerciante mata quatro bandidos, após reagir a assalto em Cacimba de Dentro - image data on https://paraibaonline.com.br25/06/2016 às 10:57

Fonte: Secom/JP

clubedochoro

foto: Secom/JP

Grande instituição do chorinho em João pessoa, o Clube do Choro sobe ao palco do projeto ‘Sabadinho Bom’, neste sábado (25), para honrar mais uma vez a tradição, mas também dedicar uma parte de seu repertório ao xote e ao baião, celebrando o momento junino com obras de Luiz Gonzaga, entre outros ícones do São João.

A apresentação acontece entre 12h30 e 15h na Praça Rio Branco, no Coração da Capital, numa promoção da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através de sua Fundação Cultural (Funjope). O acesso é gratuito.

O choro, claro, é o prato principal. Clássicos como ‘Doce de coco’ e ‘Noites cariocas’ (ambas de Hermínio Bello de Carvalho e Jacob do Bandolim), ‘Chorando baixinho’ (Abel Ferreira), ‘Brasileirinho’ (Waldir Azevedo), ‘Pedacinho do Céu’ (Waldir Azevedo) e ‘Carinhoso’ (Pixinguinha / João de Barro) estarão lá, executados com esmero por um conjunto mais do que dedicado ao gênero.

“O choro será o repertório anfitrião, mas vamos dedicar uma parte a marchinha e ao baião, com muita coisa de Luiz Gonzaga, como ‘Olha pro céu’. Afinal, é São João!”, exclama Zé Fernandes.

A apresentação será predominantemente instrumental, o que não impede da vocalista Eunice Dias subir ao palco e cantar alguns números. Aos 80 anos, ela é, ao lado de Zé Fernandes, a integrante mais antiga da atual formação. Criado em 1985, o Clube do Choro é um dos mais tradicionais da cidade.

Para esta formação, além de Eunice (vocal) e Fernandes (violão 6 cordas), ajudam a manter acessa a tradição do Clube do Choro Israel 7 Cordas (violão 7 Cordas), Cornélio (flauta), Ernesto (sax), Mazinho (cavaquinho), Barroso (percussão e voz) e Fernandes Junior (pandeiro).

Veja também

Comentários

Simple Share Buttons